Connect with us

Nossa Cidade

Prefeitura inicia campanha de vacinação antirrábica

Publicado

em

 

Começou, nesta segunda-feira (16/07), a Campanha de Vacinação Antirrábica 2018 em Hortolândia. Agentes da UVZ (Unidade de Vigilância de Zoonoses), da Secretaria da de Saúde, iniciaram a ação de bloqueio pelo bairro Adventista Campineiro, na região do Residencial São Sebastião, especificamente na rua onde foi confirmado o primeiro caso de raiva canina registrado na cidade. A Prefeitura de Hortolândia decidiu antecipar a campanha, planejada para agosto e setembro, após o Instituto Pasteur confirmar o caso suspeito no início deste mês.

Nesta terça-feira (17/07), os agentes de saúde, identificados com crachás, voltam à região para visitar cerca de 2,3 mil residências em quatro bairros: Adventista Campineiro (inclusive o Condomínio Flamboyant), Jardim Novo Cambuí e Jardim das Figueiras 1 e 2. A ação, que inclui vacinação e distribuição de material educativo, acontecerá das 8h30 às 11h e das 13h às 16h. A estimativa é imunizar 570 cães e gatos na região. Animais acima dos três meses de vida, ainda não vacinados, receberão a 1a dose; quanto aos demais, acima desta faixa etária, os técnicos verificarão a carteira de vacinação.

“Não há motivo para pânico. Trata-se de um ‘caso atípico’, uma vez que o município não possui o vírus da raiva circulando. A Prefeitura está empregando todos os recursos necessários para evitar a proliferação da doença”, esclarece a secretária de Saúde, Odete Carmem Gialdi. A suspeita é que a contaminação tenha acontecido após o contato do cão com um morcego.

Campanha de vacinação

Fora da área específica, atendida pelo bloqueio, a Campanha de Vacinação Contra a Raiva 2018 acontecerá em agosto e setembro, durante quatro finais de semana sequenciais, exceto no correspondente ao Dia dos Pais, em unidades volantes e prédios públicos (veja arquivo anexo). As datas disponibilizadas são: 04 e 05/08, 18 e 19/08, 25 e 26/08, 01 e 02/09. A vacinação é gratuita. Os tutores devem levar o animal ao posto de vacinação mais próximo das 8h às 17h. É importante levar a carteira de vacinação.

“É muito importante que os tutores vacinem anualmente seus cães e gatos contra a raiva, que participem da campanha anual para evitar a contaminação dos animais, uma vez que o vírus circula nos morcegos que transitam pela cidade. A vacinação é gratuita e pode evitar situações como esta. É o primeiro caso registrado da doença em cão ou gato na história da cidade. Antes, havia registros eventuais, somente em morcegos”, orienta o médico veterinário da UVZ, Evandro Alves Cardoso.

Outras dúvidas podem ser esclarecidas pelos profissionais da UVZ pelos telefones 3897-3312 e 3897-5974. A unidade especializada funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, na Rua Athanásio Gigo, 60, Chácaras Recreio 2.000.

Para entender o caso

A Secretaria de Saúde de Hortolândia recebeu do Instituto Pasteur, na quinta-feira passada (05/07), a confirmação de que o caso suspeito, em investigação pela UVZ, era de raiva canina. O cão, sem raça definida, com dois anos de idade, nunca havia sido vacinado contra a raiva. Vivia com os tutores em uma residência na região do São Sebastião. Em maio deste ano, conseguiu fugir de casa, certo dia, saindo por entre as grades do portão. Segundo relato dos donos e de vizinhos, na rua, foi visto com um morcego na boca. No dia 27 de junho, começou a apresentar alteração no comportamento, como apatia (tristeza), andar cambaleante e emagrecimento. Na ocasião, foi atendido por veterinário de estabelecimento particular. O caso apresentou rápida evolução para paralisia dos quatro membros, com a manifestação de outros sintomas neurológicos. No dia dois deste mês, os donos optaram por sacrificá-lo.

Com o resultado positivo em mãos, a Secretaria de Saúde, por meio da Vigilância em Saúde, realizou uma série de ações de investigação do caso e encaminhou para a devida profilaxia, por meio de aplicação de vacina e soro antirrábico, todas as pessoas que tiveram contato de risco para transmissão da raiva. Além disso, a Prefeitura providenciou a capacitação dos agentes que atuarão na vacinação de cães e gatos e deu início à ação do bloqueio, na área específica. Entre as medidas previstas na ação estão a visita domiciliar para comunicar o caso à população, o levantamento do número de cães e gatos existentes em cada imóvel, bem como do status vacinal para raiva destes animais e a orientação à comunidade sobre o papel do morcego que vive em áreas urbanas na transmissão da doença.

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Nossa Cidade

Viveiro Municipal da Prefeitura recebe visita de grupo de desbravadores

Publicado

em

Cerca de 140 crianças e adolescentes aprenderam como é feita a produção de mudas de plantas pelo órgão

Conscientizar as novas gerações sobre a importância do desenvolvimento sustentável para garantir vida saudável à cidade. Foi com esse objetivo que o Viveiro Municipal Antonio da Costa Santos, órgão da Prefeitura de Hortolândia, recebeu a visita de um grupo de desbravadores da Igreja Unasp, formado por 140 crianças e adolescentes, no domingo (22/05).  

Na visita monitorada, os desbravadores conheceram o espaço e aprenderam como é a produção de mudas de plantas feita pelo viveiro e que são distribuídas gratuitamente para a população. A secretária de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, Eliane Nascimento Oliveira, ainda explicou para os visitantes os demais trabalhos realizados pelo órgão, como o reaproveitamento de restos de madeira recolhidos nos serviços de poda e corte de árvore feitos na cidade. Esse material é usado na confecção de bancos e mesas que são instalados em praças e espaços públicos.

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Continue Lendo

Nossa Cidade

Prefeitura entrega na próxima quinta-feira (26/05) DDM de Hortolândia

Publicado

em

Antigo sonho do município, delegacia disponibilizará atendimento diferenciado para as mulheres vítimas de violênciaA Prefeitura de Hortolândia, em parceria com o Governo do Estado, entrega na próxima quinta-feira (26/05), a partir das 16h30, as instalações da primeira DDM (Delegacia de Defesa da Mulher) do município. Localizado na rua Benedicta Pires de Assis, 88, bairro Remanso Campineiro, o espaço passou por reforma e adequações internas solicitadas pelo Estado, por meio da Secretaria de Estado de Segurança Pública.

A Delegacia de Defesa da Mulher era uma reivindicação antiga da população hortolandense, cuja instalação foi confirmada no último dia 6 de janeiro, por meio do Decreto n° 66.425. De acordo com o documento, a área de atuação será abrangida pelos limites territoriais da cidade. Assim como as demais DDMs sediadas em Sumaré, Santa Bárbara d’Oeste e Americana, a delegacia integrará a estrutura da Delegacia Seccional de Americana, vinculada ao Deinter-9 (Departamento de Polícia Judiciária do Interior) de Piracicaba.

Apesar de Hortolândia contar com mais de 234 mil habitantes, o município ainda não disponibiliza atendimento diferenciado para mulheres vítimas de violência. As denúncias de estupro, ou violência doméstica, por exemplo, são registradas nos Plantões Policiais ou distritos policiais da cidade.

Segundo o prefeito José Nazareno Zezé Gomes, a conquista da DDM para Hortolândia é uma grande vitória para as mulheres hortolandenses. Ele recordou que em 2016, o então deputado estadual Angelo Perugini havia protocolado junto ao Governo do Estado de São Paulo o pedido de criação da delegacia especializada para as mulheres. “O meu amigo e saudoso prefeito Perugini, quando ocupou a cadeira de deputado estadual, havia plantado em 2016 uma semente e, face a toda essa luta e trabalho, sem esquecer da fé, alcançamos agora em 2022 esse grande objetivo. A partir do momento que o Governo do Estado lançou o decreto, confirmando a DDM, nós já buscamos um local adequado para a sua implantação. O prédio ficou muito bom e atenderá as necessidades da Polícia Civil”, explicou o prefeito hortolandense.

No último ano, o CRAM (Centro de Referência e Atendimento à Mulher) “Debora Regina Leme dos Santos”, de Hortolândia, registrou o triste recorde de atendimento às mulheres vítimas de violência doméstica. Em 2021 foram registrados 660 atendimentos, um aumento de 50% em relação a 2020, quando foram anotadas 440 denúncias. Deste total, 421 casos terminaram na concessão de medidas protetivas de urgência, ação prevista pela Lei Maria da Penha (n° 11.340, de 7 de agosto e 2006).

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Continue Lendo

Nossa Cidade

Conhece o primeiro bairro planejado de Hortolândia? Confira:

Publicado

em

vilaVerde

O loteamento Jardim Vila Verde é o primeiro bairro planejado de Hortolândia. Com infraestrutura completa e já está 100% liberado para construções.

Com uma localização estratégica, próximo ao centro e a faculdade Adventista UNASP.

Não perca a chance de viver bem e perto de tudo que você precisa!
Venha para o Jardim Vila Verde
Temos poucas unidades disponíveis!

Telefone para contato: (19) 98921-6368

Stand de vendas no loteamento:
Rua: Antônio Caetano Junior (próximo ao número 20) Bairro Adventista Campineiro – Hortolândia/SP

Jardim Vila Verde – A felicidade mora aqui – Clique aqui e entre em contato com a gente

Continue Lendo

Noticias

Publicidade

Populares