Trabalho faz parte das ações de modernização e revitalização da principal rua do comércio

A Prefeitura de Hortolândia continua a obra de modernização e revitalização da rua Luiz Camilo de Camargo, desde a última quadra da via, na esquina com a rua Nelson Pereira Bueno (Banco Bradesco) até a rua Argolino de Moraes (Praça da Neusa), na região central da cidade. O trecho recebe a estrutura para a passagem da tubulação que acoplará os fios de alta tensão e de telefonia, que serão aterrados. O serviço segue nos próximos dois meses. A expectativa é de que na próxima semana a escavação avance até chegar em frente ao Cartório Eleitoral, antigo prédio do Banco do Brasil. 

De acordo com a Secretaria de Obras, somente quando todas as estruturas subterrâneas estiverem concluídas é que será possível desligar a fiação aérea dos postes e ligar a subterrânea. Assim, os postes serão removidos, proporcionando um visual mais “limpo” à rua. A previsão da Secretaria de Obras é que a rede subterrânea seja ligada ainda neste ano. O trecho também receberá calçada com piso podotátil (com relevo perceptível, o que facilita o trânsito de pessoas com deficiência visual).

A obra de revitalização e modernização do principal centro comercial da cidade segue o modelo das ações que já foram executadas na rua desde a Lanchonete Varandas (Rua João Blumer) até a esquina da Lojas Cem (Rua Zacarias Costa Camargo), que conta com fiação subterrânea, iluminação ornamental e padronização da fachada das lojas com recuo em relação à passagem de veículos, garantindo mais espaço para a circulação de clientes do comércio local.

TRÂNSITO

Durante o período de interdição da via, o motorista que vem da rua Luiz Camilo de Camargo, para acessar a avenida Santana ao chegar no cruzamento com a rua Nelson Pereira Bueno, deve entrar na rua Caetano Basso Breda e acessar a rua Argolino de Moraes para depois seguir pela avenida Santana.

PIC

A modernização da rua Luiz Camilo de Camargo e a implantação de sistema de drenagem são intervenções que fazem parte do PIC (Programa de Incentivo ao Crescimento), programa que prevê mais de 100 intervenções e serviços que promoverão o desenvolvimento urbano, ambiental, social e humano para que Hortolândia cresça com planejamento e sustentabilidade nos próximos 30 anos.

 

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Artigo anteriorProjeto “Achei Um Livro” da Biblioteca Municipal está de volta
Próximo artigoEstabelecimento comercial é furtado durante a madrugada, no Parque São Jorge