Nossa Cidade

Prefeito inaugura novas instalações das oficinas terapêuticas do Cier nesta quarta-feira (22/05)

O prefeito Antonio Meira inaugura, nesta quarta-feira (22/05), às 8h, o complexo que abriga as Oficinas Terapêuticas de Capacitação e Adaptação do Cier (Centro Integrado de Educação e Reabilitação) Romildo Pardini, órgão da Secretaria de Educação da Prefeitura de Hortolândia. A instituição atende aproximadamente 110 pessoas de 7 a 45 anos de idade, com algum tipo de deficiência.

Com a obra de ampliação, o espaço passa a ter cerca de 500 m², onde vão funcionar seis novas salas: duas para marcenaria, uma de produção de mosaico, uma de costura, uma sala de encadernação e uma para padaria. Além disso, o complexo ganha sala para exposição de trabalhos, vestiários feminino e masculino, despensa, lavanderia, banheiro adaptado e anfiteatro com capacidade para aproximadamente 50 pessoas, que atenderá às necessidades da escola como um todo, incluindo reuniões e cursos oferecidos aos profissionais da rede municipal de ensino. O investimento da Administração é da ordem de R$ 542.231,51.

A Ampliação proporcionará o atendimento de até 100 jovens com idade acima de 16 anos com deficiência intelectual e auditiva. Antes, havia apenas duas salas compartilhadas pelos matriculados nas oficinas. Com isso, a Administração garante mais oportunidade e qualidade de vida aos alunos com deficiência intelectual, auditiva ou visual atendidos pelo CIER.

Durante a cerimônia, haverá também a inauguração de um consultório odontológico que atenderá às necessidades dos alunos da Escola Especial do CIER, em parceira com o CEO (Centro de Especialidade Odontológicas). O objetivo é garantir qualidade de vida aos pacientes mais graves que necessitam de atendimento especializado.

Mini padaria e sala de exposições são novidades

Uma das novidades do novo espaço é a mini padaria, que dará a 20 jovens – dez no período da manhã e dez no da tarde –, a oportunidade de qualificação profissional para inserção no mercado de trabalho. Além da reativação da cozinha experimental, a sala de exposições é outro destaque. Ela será usada tanto para a exibição dos trabalhos dos alunos quanto para comercialização dos artigos. Tudo o que for arrecadado será revertido para compra de material ou como bolsa-auxílio para os alunos.

“Isto representa um melhor atendimento para os nossos aprendizes e um maior número de jovens atendidos neste espaço”, afirma a diretora do CIER Educação, Zilda Rodrigues Rossi. “É um ganho em qualidade e atende a uma demanda dos profissionais da escola e também da comunidade. Com as salas mais amplas e um espaço maior dá para fazer trabalhos mais diferenciados do que fazíamos anteriormente”, explica.

“Com a ampliação, haverá espaços individualizados para os que estão sendo atendidos, o que permite aumento no número de vagas e um melhor atendimento”, explica Kelly Harumi Lírio Tamashiro, diretora do Ensino Fundamental. “Oferecemos a eles espaço educativo e oportunidade de vivência social, para além do espaço familiar. Nosso objetivo é fazer parceria com as empresas para que haja também possibilidade de inserção no mercado de trabalho”, acrescenta.

“A ampliação representa melhores condições de trabalho para os profissionais que atuam no CIER, bem como melhores condições pedagógicas para nossos alunos, que merecem todo nosso carinho e atenção. É a oportunidade de fazer um trabalho diferenciado por meio de novas oficinas”, avalia a secretária de Educação Cleudice Baldo Meira. “Além desta nova padaria, que era uma demanda antiga, estamos estudando a possibilidade de implantar outras”, adianta a secretária.

 

Fonte: Comunicação PMH

Lei Proibida a reprodução total ou parcial, sem autorização previa do Portal Hortolandia . Lei nº 9610/98