Nossa Cidade

Ponte Estaiada já está com 45 metros de altura

Colocação dos estaios fará com que altura seja maior a cada semana; no final da obra, ponte terá 75 metros

Ponte estaiada

A cada dia, as obras da Ponte Estaiada dão forma à moderna estrutura viária, que será o novo cartão postal da cidade. O mastro central já tem 45 metros de altura. Nele são fixados os estaios, que sustentarão a pista da ponte. A colocação dos estaios é a etapa mais demorada da obra, com previsão de ser concluída em seis meses. A medida que os estaios são colocados, o tamanho do mastro aumenta. Na entrega da ponte, ele deve medir 75 metros de altura. A previsão da Administração Municipal é que a ponte esteja pronta no primeiro semestre de 2014.

Na semana passada, o prefeito Antonio Meira visitou as obras da Ponte Estaiada. “Esta obra não é somente grande em tamanho, mas também em importância. Esta ponte terá papel fundamental no futuro da cidade, servindo de porta de entrada para mais desenvolvimento. Trabalhamos hoje para criar condições de que, em alguns anos, nosso sistema viário seja modelo”, observou Meira. O custo da obra é de R$ 67,9 milhões.

Os primeiros estaios já podem ser vistos na estrutura. Ao todo serão 16 cabos de aço, com metragens diferentes dependendo da localização em que se encontram na ponte. Todos têm uma preparação especial e reforçada, pois são eles que sustentarão a estrutura da ponte. “A cada semana, a colocação dos estaios possibilita que o tamanho da ponte aumente em três ou quatro metros. Como é um trabalho minucioso, levará seis meses para ser concluído”, informou o engenheiro responsável pela obra, Sebastião Ronquin.

Devido às proporções da ponte em construção, as obras sempre necessitam de operações especiais. No mês de maio, por exemplo, foi necessária uma ação conjunta com as equipes de trânsito para o transporte de 66 vigas de concreto até o canteiro de obras, trabalho que levou um mês para ser concluído. Isso porque cada viga tem 30 metros de altura e pesa 40 toneladas.

Quando finalizada, a ponte terá 700 metros de extensão e 16,9 metros de largura. O eixo de integração tem início na rua João José da Silva, no Jardim Santa Rita de Cássia, e faz interligação com a Avenida Projetada, no Jardim Nova América. Com isso, a via ligará a Avenida da Emancipação à Estrada Sabina Baptista de Camargo, conhecida como Estrada da Granja. A estrutura fará a travessia sobre as lagoas de contenção de enchente, também em construção pela Prefeitura às margens do Ribeirão Jacuba, na região do Jardim Carmem Cristina.

O projeto da Ponte Estaiada é financiado pelo banco venezuelano CAF (Cooperação Andina de Fomento), que emprestou para a Prefeitura US$ 22,1 milhões. A operação financeira tem o aval do Governo Federal, avalista da Administração Municipal.

A Ponte Estaiada é uma das obras previstas no Plano Diretor de Sistema Viário, em implantação pela Prefeitura. O projeto completo, elaborado com a participação da comunidade, prevê pontes e viadutos em diversos pontos da cidade, além de avenidas marginais, rotatórias e ciclovias que vão integrar as regiões e facilitar o ir e vir das pessoas pelos próximos 20 anos.

Fonte: Assessoria de Comunicação / Prefeitura de Hortolândia


Para mais notícias, eventos e empregos, siga-nos no Google News (clique aqui) e fique informado

Lei Proibida a reprodução total ou parcial, sem autorização previa do Portal Hortolandia . Lei nº 9610/98