Desde a noite desta quarta-feira (14/07), a Ponte da Esperança (Estaiada), cartão postal de Hortolândia, está iluminada de amarelo. A ação faz parte do incentivo da Prefeitura para a realização de testes de hepatites virais, o que pode acelerar o tratamento da doença.

De acordo com a Secretaria de Saúde, existem cinco tipos de hepatites virais (A, B, C, D e E) que são provocadas por diferentes vírus. As Hepatites A e B podem ser prevenidas por meio de vacinação. Existe cura para a Hepatite C e tratamento para a Hepatite B. Até o momento, não há vacina para a Hepatite C. A Prefeitura oferece as vacinas para as hepatites A e B nas UBSs (Unidades Básicas de Saúde) do município.

As hepatites virais são transmitidas pelo contato com sangue e outros líquidos ou secreções corporais contaminadas. Dentre as medidas de prevenção contra as hepatites virais que as pessoas devem adotar são evitar o contato com sangue infectado, não compartilhar objetos cortantes e perfurantes, como, por exemplo, alicate de unha, e usar sempre preservativo nas relações sexuais.

Iluminação decorativa

O sistema de iluminação decorativa da Ponte da Esperança foi instalado na estrutura, de forma permanente, em 2019. Os equipamentos têm a possibilidade de mudar de cor, conforme a programação, marcando o comprometimento da Administração Municipal com diversas causas sociais ou datas comemorativas, como o Natal e a campanha Outubro Rosa de prevenção ao câncer de mama. Segundo a Secretaria de Planejamento Urbano e Gestão Estratégica, os refletores estão presentes nos estais, no pilar central e na base inferior, com iluminação direcionada às colunas.

 

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Artigo anteriorCantora Erica Barbosa lança clipe de sua nova música nesta sexta-feira (16/07)
Próximo artigoHortolândia apresentará ações de sustentabilidade em webinário do projeto Andus, na terça-feira (20/07)