12 de junho de 2024
Nossa Cidade

Oficina culinária ensina mulheres de Hortolândia a obter renda extra na Páscoa

Primeira turma de curso gratuito, oferecido pela Prefeitura, começou nesta quarta-feira (16/03), na Cozinha Escola Comunitária

De olho em obter renda extra durante a Páscoa, moradoras de Hortolândia participaram, nesta quarta-feira (16/03), da primeira aula de uma oficina culinária gratuita, promovida pela Prefeitura na Cozinha Escola Comunitária, no Jardim Novo Ângulo. Na pauta do dia duas receitas deliciosas de Colomba Pascal, uma na versão tradicional e outra com recheio de chocolate. Nos demais dias, as participantes aprenderão com a gastrônoma Virgínia Fernandes a fazer também ovos de chocolate, bombons e cones trufados.

A iguaria do dia, misto de pão e bolo, assemelha-se ao panetone de Natal. A receita da Colomba tradicional, com frutas cristalizadas e uvas passas na massa e farinha de castanha de caju e açúcar de confeiteiro na cobertura, custa em média R$ 49, rendendo três unidades, cada uma com aproximadamente 500 gramas, que podem ser vendidas por valores entre R$ 30 e R$ 35. Descontado o gasto com os materiais, é possível obter um lucro que varia entre cerca de R$ 40 e R$ 60, segundo Virgínia. “É um produto caseiro, vendido por quilo. Além do gasto com os ingredientes, é preciso acrescentar a mão de obra e 10% do preparo. É preciso valorizar o trabalho artesanal, feito por vocês. Dá para vender bem e tirar um dinheirinho”, explica ela às alunas.

Beatriz Romão, de 24 anos, moradora do Jardim Novo Ângulo, está animada em participar da oficina, que viu publicada no Facebook Oficial da Prefeitura. Estudante de gastronomia e mãe de uma menina de três anos, gosta em especial da área de confeitaria e pretende obter renda extra, nesta Páscoa. Há 11 anos atua como autônoma, vendendo bolos de festa, doces para casamentos e pães de mel. “É a primeira vez que participo da oficina. Acho muito legal esta iniciativa. Além de gostar de comer, quero fazer a colomba para vender para meus clientes. Creio que dá para lucrar mais de 100%”, calcula a aprendiz.

Em busca de ter um negócio próprio, a moradora do Remanso Campineiro, Lerean de Lima, de 38 anos, soube da Oficina de Páscoa ao receber mensagem de uma amiga, via aplicativo de celular. Assim como Beatriz, também está entusiasmada com a oficina culinária. “Eu gosto de cozinha, tanto de salgado quanto de doce. Estou apostando em fazer brigadeiro gourmet. Quero aprender bastante e fazer para vender, para ter uma renda”, afirma a dona de casa, mãe de três filhos, um de 15, um de 11 e outro de 10 anos. Neste ano, a “Oficina de Páscoa” acontece pela manhã, das 8h30 às 12h, em duas turmas: uma que acontecerá até sexta-feira (18/03) e outra nos dias 30 e 31 de março e primeiro de abril. A Cozinha Escola Comunitária, localizada na Av. Osvaldo de Souza, 375, no Jardim Novo Ângulo, é uma unidade do Departamento de Segurança Alimentar da Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia da Prefeitura. 

“É uma oficina que a gente faz com o intuito de geração de renda pra esse período da Páscoa, além de poder mostrar novas receitas para que a as pessoas tomem conhecimento e façam, tanto em casa como para comercialização. É mais uma ação da Cozinha Escola Comunitária que tem esse objetivo: trabalhar com geração de renda sempre aliado a receitas saudáveis”, explica a diretora de Segurança Alimentar, Alessandra Sarto.

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Lei Proibida a reprodução total ou parcial, sem autorização previa do Portal Hortolandia . Lei nº 9610/98