Connect with us

Nossa Cidade

Hortolândia realiza aula experimental de Robótica com estudantes da rede municipal

Publicado

em

Aula inaugural, para alunos de 4o e 5o anos, aconteceu, nesta terça-feira (28/06), na Emeb Richard Chibim Naumann, no Jd. Interlagos

Estudantes da rede municipal de ensino de Hortolândia tiveram, nesta terça-feira (28/06), a primeira aula de Robótica. A aula experimental foi ministrada a estudantes do 4° e 5° anos do Ensino Fundamental, na Emeb (Escola Municipal de Educação Básica) Richard Chibim Naumann, no Jd. Interlagos. Segundo a Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia, o projeto terá início em agosto deste ano e será expandido, pouco a pouco, de modo a beneficiar 3.614 alunos de 1º a 5º, em oito escolas de Educação Integral. 

Iniciativa da própria Prefeitura, o projeto é coordenado pela Diretoria de Ciência e Tecnologia e busca promover nos estudantes habilidades como criatividade, experimentação, trabalho em equipe, dentre outros. Desde abril deste ano, profissionais da educação passam por formação específica para trabalhar os novos conteúdos e práticas em sala de aula. Na disciplina, são usados kits da empresa Alpha Mecatrônica, composto por peças e placas de alumínio recicláveis, rodas de plástico com pneus emborrachados, motores, baterias e sensores de luz, temperatura, ruído, cor e distância, dentre outros itens.

As escolas envolvidas no projeto são: as Emebs Josias da Silva Macedo, no Jd. Nossa Senhora de Fátima, e Richard Chibim Naumann, no Jd. Interlagos; e as Emefs (Escolas Municipais de Ensino Fundamental) D. Ana José Bodini Januário, no Jd. Amanda; Armelinda Espúrio da Silva, no Jd. Nossa Senhora de Fátima; Dayla Cristina Souza de Amorim, no Jd. Santiago; Profa. Patrícia Maria Capelato Basso, no Residencial São Sebastião; Viva Mais, no Jd. Santa Clara do Lago; e Nicolas Tiago dos Santos Lofrani, no Jd. Sumarezinho. 

O plano da Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia é, a partir das escolas integrais, expandir o projeto para todas as escolas de Ensino Fundamental da rede.

“Antes dessa aula acontecer, já preparei meus alunos. Temos o projeto de fazer nossa própria energia. Nossa maior energia é o Sol. Sem ele não tem nada. Já fizemos um robozinho com lata de leite! Minha intenção é despertar esse senso curioso que o ser humano tem, nossa existência, onde vivemos, o que podemos fazer se tudo acabar. Estudamos os primórdios do homem até o momento em que ele chegou à energia total. As aulas de Robótica, com certeza, vão trazer muita inovação para nossos alunos. Eu espero que os meus dominem o conhecimento para o bem, trabalhar com a lógica, mas não perder o coração do ser”, afirma o professor Gilmar Faria, que ministrou a aula inaugural.

O que é Robótica?

Segundo o Museu Espaço Ciência, órgão da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação do Estado de Pernambuco,“Robótica é um ramo educacional e tecnológico que engloba computadores, robôs e computação, que trata de sistemas compostos por partes mecânicas automáticas e controladas por circuitos integrados, tornando sistemas mecânicos motorizados, controlados manualmente ou automaticamente por circuitos elétricos. As máquinas, pode-se dizer que são vivas, mas ao mesmo tempo são uma imitação direcionada às pessoas (Seres Vivos)”.

Já para o NIED (Núcleo de Informática Aplicada), da Unicamp (Universidade Estadual de Campinas), “situações específicas de aprendizagem podem ser criadas a partir do uso de dispositivos robóticos integrados a outros recursos digitais. Nestes espaços a Robótica Pedagógica tem sido empregada como ferramenta auxiliar para se enriquecer e diversificar a forma como se ensina conceitos científicos tanto no contexto de sala de aula para aprendizado interdisciplinar de conteúdos curriculares quanto em uma fábrica no aprendizado, por exemplo, de princípios de automação”.

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Nossa Cidade

Confira as previsão do tempo para o fim de semana

Publicado

em

Previsao Tempo

Previsão do tempo aponta que o sábado (13), amanhece com temperaturas amenas, com mínimas em torno de 10ºC. Sob condição de predomínio de sol, as temperaturas ao longo do dia sobem mais, e a máxima está prevista em 26ºC, e a umidade relativa do ar volta a baixar, assumindo valor mínimo em torno de 30%.

O domingo (14), segue sob previsão de predomínio de sol, baixa umidade relativa do ar, e temperaturas mais elevadas: mínima prevista em 13ºC e máxima em 28ºC.

O começo da próxima semana segue com tempo firme, seco e relativamente quente. Há indicativos de chuva a partir de algum momento entre a próxima quarta e sexta-feira, mas os detalhes ainda contam com um elevado grau de incerteza. 

Continue Lendo

Nossa Cidade

Cobrança pelo serviço de manejo dos resíduos sólidos é revogada em Hortolândia

Publicado

em

Poder Executivo aperfeiçoará a proposta para cumprir em 2023 o Marco Legal do Saneamento Básico, uma exigência do Governo FederalO prefeito José Nazareno Zezé Gomes revogou nesta sexta-feira (12/08) a Lei Municipal que prevê a cobrança do serviço público de manejo de resíduos sólidos urbanos, chamada “taxa do lixo”,  uma exigência da Lei Federal n° 14.026 que estabelece o “Marco Legal do Saneamento Básico” no Brasil. Zezé Gomes, que participou de entrevista coletiva, afirmou que houve um erro de avaliação por parte da equipe e que a cobrança será reavaliada, especialmente por conta do momento econômico vivido pelo País. “O Marco Legal do Saneamento Básico é uma exigência federal e o seu não cumprimento pode acarretar problemas no repasse de recursos federais e de emendas de deputados. Além disso, como prefeito, posso sofrer processo de improbidade administrativa por meio da Lei de Responsabilidade Fiscal. Apesar disso tudo, faltou sensibilidade neste momento onde pessoas em situação de vulnerabilidade estão sobrevivendo com programas de transferência de renda. Revogamos a lei e faremos uma nova redação para que possamos realizar uma cobrança mais justa, a partir de 2023”, declarou o prefeito.

A decisão de revogar a lei também foi apresentada, durante reunião, junto com os vereadores hortolandenses. “Convidamos os vereadores a participar dessa reunião, onde realizamos um diálogo franco. Dentro dos próximos dias, encaminharemos uma nova proposta de lei para que seja avaliada pelos parlamentares e, que assim, possamos realizar uma cobrança que faça justiça fiscal, com implementação a partir de 2023”, explicou Zezé Gomes.

Em relação aos pagamentos já efetuados, o prefeito explicou que o contribuinte pode solicitar o ressarcimento do valor pago ou usar o crédito para quitar tributos futuros. “Cerca de 2 mil contribuintes já efetuaram o pagamento e eles podem fazer essa opção: ressarcir o valor ou utilizar o crédito para outro tributo municipal”, destacou.

O Marco Legal do Saneamento Básico, instituído pelo Governo Federal em 2020, exige aos mais de 5 mil municípios brasileiros a cobrança do serviço de manejo dos resíduos sólidos. A cobrança tem por meta garantir às cidades uma boa saúde financeira, não comprometendo a capacidade de investimentos públicos nas mais diversas áreas, como saúde, educação e segurança pública.

Fonte: Prefeitura

Continue Lendo

Nossa Cidade

Taxa do lixo é revogada pelo prefeito de Hortolândia

Publicado

em

coleta Lixo

Em anúncio feito nesta sexta-feira (12) em coletiva de imprensa, o prefeito de Hortolândia, Zezé Gomes, informou que a taxa do lixo foi revogada.

O prefeito ainda disse que as pessoas que já pagaram a taxa, terão desconto no IPTU 2023, ou poderão solicitar o estorno, a forma do estorno não vou explicada.

A Prefeitura de Hortolândia iniciou nesta semana o encaminhamento das 68.481 guias de pagamento da cobrança do serviço público de manejo de resíduos sólidos urbanos, o Prefeito recomendou para quem recebeu o boleto, que nao pague.

A implantação da cobrança é uma exigência do Governo Federal, que instalou a Lei n° 14.026, conhecida como “Marco Legal do Saneamento Básico”, sancionada no dia 15 de julho de 2020, que obriga os municípios a implantar a tarifa.

Continue Lendo

Populares