Connect with us

Nossa Cidade

Hortolândia lembra o Dia da Luta Antimanicomial com evento aberto à população

Publicado

em

Evento nesta quarta-feira (18/05) integra programação comemorativa ao 31º aniversário de emancipação política de Hortolândia

Quem sofre de transtornos mentais tem direitos como toda pessoa. Dentre os direitos está o de receber tratamento de forma digna e humanizada, sem privação da liberdade. Para sensibilizar e conscientizar a sociedade sobre essa questão, a Prefeitura de Hortolândia promove um evento pelo Dia da Luta Antimanicomial, nesta quarta-feira (18/05). Será, às 8h, na praça localizada na rua Pastor Germano Ritter, altura do nº 650, no Parque Ortolândia, onde fica a Sabesp (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo). O evento integra a programação comemorativa do 31º aniversário de emancipação política de Hortolândia.

Para promover a integração entre pacientes e comunidade, o evento terá atividades culturais e de saúde. A programação contará com apresentação de um coral formado por usuários, parentes, familiares e funcionários do CAPS (Centro de Atenção Psicossocial) Vida, uma das unidades da Prefeitura especializada no tratamento de pessoas com problemas psíquicos. O coral apresentará a música “Não quero dinheiro (só quero amar)”, de Tim Maia. Para estimular o público a se exercitar, haverá uma aula de zumba e uma apresentação com alunos do curso de capoeira ministrado pela Prefeitura. O evento terá ainda um café da manhã comunitário. 

“Queremos promover um momento de reflexão e de relembrar a questão da luta antimanicomial para garantir cada vez mais os direitos para as pessoas que estão em sofrimento psíquico. O evento busca ainda promover a interação entre os usuários, seus familiares e parentes, os trabalhadores da rede municipal de saúde mental e a comunidade”, destaca a coordenadora do Departamento de Saúde Mental da Secretaria de Saúde, Leici Santana.

Publicidade

Dia da Luta Antimanicomial 

A Luta Antimanicomial é lembrada todo dia 18 de maio, data que teve origem a partir do Encontro dos Trabalhadores da Saúde Mental, ocorrido em Bauru, em 1987, com participação de mais de 350 pessoas da área de saúde mental em busca de uma experiência de desinstitucionalização da psiquiatria. 

Até então, o tratamento psiquiátrico se concentrava em internações hospitalares. Como resultado desta e de outras mobilizações, a Reforma Psiquiátrica foi aprovada por meio da Lei Federal Nº 10.216, em 2001. Com a lei, o atendimento a pacientes com transtornos mentais passou a ser acompanhado por uma rede de atenção psicossocial, estruturada em unidades de serviços comunitários onde cada paciente tem sua vida livre, participando de atividades terapêuticas e de reabilitação, sempre acompanhados da família.

Rede de Atenção Psicossocial

Publicidade

Hortolândia conta três CAPS (Centros de Atenção Psicossocial), que são unidades especializadas no atendimento e no tratamento a pessoas com transtornos mentais.  

O CAPS-AD atende pacientes com problemas psíquivos decorrentes do uso prejudicial de álcool, drogas e susbstâncias psicoativas, com o objetivo de estimular a integração social e familiar e apoiá-los em suas iniciativas de busca de autonomia. O atendimento é de porta aberta, sem a necessidade de agendamento. Atualmente, de acordo com o órgão, são atendidos 97 usuários, com idade variando de 18 a mais de 60 anos. O órgão fica na rua João Frutuoso de Miranda Filho, 460, Parque Ortolândia. O telefone de contato é (19) 3897-5920. 

Já o CAPS-IJ, atende crianças e adolescentes que sofrem de transtornos mentais decorrentes de várias situações e/ou doenças psíquicas. De acordo com o órgão, são atendidas cerca de 300 usuários com até 21 anos. O órgão está localizado na rua Antonio Biassi Filho, 89, Parque Ortolândia, e os telefones de contato são (19) 3897-3237 e (19) 3897-1719. 

Pacientes maiores de idade com grave sofrimento psíquico são atendidos pelo CAPS-Vida. O órgão funciona ininterruptamente, ou seja, oferece hospitalidade integral 24h para pessoas em situação de crise já acompanhadas pelos serviços de saúde, diante de avaliação da necessidade pela equipe multiprofissional. De acordo com o ´rogão, são atendidos 608 pacientes. O órgão fica na rua João Cancian, 161, Parque Ortolândia. Os telefones de contato são (19) 3819-6852 e (19) 3865-4890.

Publicidade

Conferência Municipal de Saúde Mental

Outra ação importante na área de saúde mental realizada pela Prefeitura de Hortolândia foi a 1ª Conferência Municipal, em abril deste ano, com a participação do prefeito José Nazareno Zezé Gomes. 

As propostas apresentadas na conferência municipal serão levadas nas conferências macroregional, que será realizada de maneira virtual, no dia 3 de junho. Depois, estão previstas as realizações das Conferência Estadual de Saúde Mental, entre os dias 31/10 a 02/11, e Federal, esta última realizada pelo Ministério da Saúde, entre os dias 8 a 11 de novembro, em Brasília (DF). De acordo com o Ministério da Saúde, a Conferência Federal visa construir e atualizar as políticas públicas de saúde mental.

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Publicidade

Nossa Cidade

Documentário “Limiar” é atração do projeto “Bate-papo de cinema” do Pontos MIS

Publicado

em

Filme será disponibilizado on-line a partir desta sexta-feira (01/07) até domingo (03/07); no sábado (02/07), às 18h, haverá bate-papo sobre a produção

Um relato intimista sobre as dificuldades e os preconceitos que um adolescente enfrenta ao decidir fazer a transição de gênero. Esse é o mote do documentário “Limiar”, atração do projeto “Bate-papo de cinema”, realizado pelo programa Pontos MIS (Museu da Imagem e do Som), do governo do Estado, e a Prefeitura de Hortolândia. O projeto disponibiliza on-line o filme, a partir desta sexta-feira (01/07) até domingo (03/07). Para assistí-lo, é necessário fazer inscrição por meio deste LINK. O longa-metragem integra a mostra “ICine de Cinema”, realizada em parceria com o movimento ICine, rede formada por cineastas, produtores e exibidores do interior e litoral paulista. O documentário tem classificação indicativa de 12 anos. A exibição do filme marca ainda o Dia Internacional do Orgulho LGBTQIAP+, comemorado na terça-feira (28/06).

O projeto também promove um bate-papo on-line ao vivo sobre o filme, neste sábado (02/07), às 18h. Participarão do debate a diretora do documentário, Coraci Ruiz, e o presidente do coletivo de cinema, Kino-Olho, de Rio Claro, Raphael Paes da Silva. A mediação será da diretora e roteirista Giuliana Monteiro. O público poderá assistir o bate-papo no canal do YouTube do Pontos MIS, que terá interpretação em Libras (Linguagem Brasileira de Sinais) para deficientes auditivos.

No documentário, filmado entre 2016 a 2019, a cineasta Coraci Ruiz mostra a transição de gênero de seu filho, Noah, de 16 anos, a partir de relatos comoventes do jovem, da própria Coraci e de sua mãe. “Limiar” foi exibido em vários festivais de cinema do Brasil e de outros países. O filme recebeu prêmios de Melhor Direção no Festival Mix Brasil de Cultura da Diversidade, em 2020, e de Melhor Documentário, no 36º Lovers Film Festival, em 2021, na Itália.

Publicidade

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Continue Lendo

Nossa Cidade

Livro infantojuvenil “Diário de um banana – Rodrick é o cara” domina preferência dos leitores da Biblioteca Municipal

Publicado

em

Obra ficou em 1º lugar no ranking dos livros mais emprestados em junho; lista também traz os clássicos “Orgulho e preconceito” e “Quincas Borba”

A série infantojuvenil “Diário de um banana” segue no topo da preferência dos leitores cadastrados da Biblioteca Municipal Terezinha França de Mendonça Duarte, órgão da Prefeitura de Hortolândia. O volume “Rodrick é o cara” ficou na 1ª posição do ranking dos livros mais emprestados pela biblioteca, em junho. Outros dois títulos da série também estão na lista: “A verdade nua e crua” (9ª posição) e “Apertem os cintos” (20ª posição). Em junho, a biblioteca registrou um total de 999 empréstimos de livros.

Obras clássicas da literatura também têm atraído os leitores. Prova disso é que a 2ª posição do ranking ficou com o romance “Orgulho e preconceito”, um dos livros mais conhecidos da romancista inglesa Jane Austen. A obra já teve várias adaptações para o cinema. Uma delas é a de 2005, estrelada pela atriz Keira Knightley. Outro clássico literário que aparece no ranking é “Quincas Borba”, um dos títulos mais emblemáticos de Machado de Assis. 

“Embora os títulos da série ‘O diário de um banana’ continuem a ser os mais procurados, os leitores da biblioteca também estão se interessando pelos clássicos das literaturas brasileira e estrangeira e por títulos de outros gêneros literários, como mostra o ranking de junho”, destaca o coordenador da biblioteca, Rafael Antonio da Silva.

Publicidade

Séries literárias consagradas que foram transformadas em franquias cinematográficas igualmente bem sucedidas também continuam a atrair os leitores. Um exemplo é o romance “Jogos Vorazes”, que ficou em 3º lugar no ranking. 

Os best sellers também seguem em alta na biblioteca, com destaque para o romance “Estilhaça-me”, da escritora americana descendente de iranianos, Tahereh Mafi, que ficou na 5ª posição do ranking. 

Obras infantis também são entre as mais procuradas. Um dos destaques é “ Meu atlas pop-up das cidades”, obra que apresenta figuras tridimensionais em papel que se abrem em cada página. 

Outro segmento que tem atraído os leitores são os títulos didáticos. Um dos destaques do ranking é “Não erre mais – Língua portuguesa nas empresas”, que ensina e oferece dicas e orientações sobre como escrever corretamente. 

Publicidade

Consulta na internet

A Biblioteca Municipal Terezinha França de Mendonça Duarte está localizada na rua Luiz Camilo de Camargo, 581, região central, no piso inferior do Open Shopping. O funcionamento é de segunda à sexta-feira, das 8h às 17h. Vale lembrar que é obrigatório o uso de máscara dentro da biblioteca durante o tempo de permanência no local.

O acervo da biblioteca está disponível para consulta na internet, por meio deste SITE. O acervo tem mais de 17.000 títulos. 

Para estimular o hábito da leitura, a biblioteca várias ações, como “Achei um livro”, “Gostou? Leva pra casa!” e a banca de troca de livros. 

Publicidade

Para mais informações, os usuários e o público podem entrar em contato com a biblioteca pelo telefone (19) 3887-1684, pelo BiblioZap, serviço de atendimento via WhatsApp no número (19) 98970-7332 ou pelo e-mail
O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Confira abaixo o ranking dos livros mais emprestados em junho:

Ranking dos livros mais emprestados – Junho de 2022

Biblioteca Municipal Terezinha França de Mendonça Duarte

Publicidade

Título

Autor

Diário de um banana – Rodrick é o cara

Jeff Kinney

Publicidade

Orgulho e preconceito

Jane Austen

Jogos Vorazes

Suzanne Collins

Publicidade

Príncipe mecânico

Cassandra Clare

Estilhaça-me

Tahereh Mafi

Publicidade

A origem dos guardiões – Mundos fantásticos

O jogo do amor ódio

Sally Thorne

Publicidade

É assim que acaba

Colleen Hoover

Diário de um banana – A verdade nua e crua

Jeff Kinney

Publicidade

Obsessão

Maya Banks

Não erre mais – Língua portuguesa nas empresas

Maria Lúcia Elias Valle

Publicidade

O cérebro que se transforma

Norman Doidge

Química – Volume único

Teruko Y. Utimura e Maria Linguanoto

Publicidade

O jeito Disney de encantar os clientes

Disney Institute

Meu atlas pop-up das cidades

Jonathan Litton e Stephen Waterhouse

Publicidade

Quincas Borba

Machado de Assis

Isolados – O enigma

Bibi Tatto

Publicidade

A proposta

Katie Ashley

Os Vingadores – A chegada dos Vingadores e A vingança de Ultron

Kurt Busiek e George Pérez

Publicidade

Diário de um banana – Apertem os cintos

Jeff Kinney

 

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Publicidade
Continue Lendo

Nossa Cidade

Rua da ETEC-Hortolândia ganha pavimento novo

Publicado

em

Prefeitura espera concluir serviço em cinco vias do Jardim Santana até sábado (02/07)

A Rua Capitão Lourival Mey, no Jardim Santana, conhecida por ser “a rua da ETEC-Hortolândia (Escola Técnica Estadual/Centro Paula Souza)”, está de pavimento novo. Após remoção da cobertura anterior e fresagem, equipes contratadas pela Prefeitura colocaram, nesta quinta-feira (30/06), a massa asfáltica. O trecho beneficiado vai desde o cruzamento com a Av. Olívio Franceschini até a Luiz Camilo de Camargo. Com isso, a Administração Municipal reforça a segurança viária de quem circula por importantes vias de Hortolândia.

Segundo a Secretaria de Obras, esta é uma das cinco vias que está sendo pavimentada pela Prefeitura no Jardim Santana. O trabalho na região começou no final de semana passado e tem previsão de término para este sábado (02/07). As outras vias atendidas são: Amélia de Camargo Blumer (da Av. Olívio Franceschini até a Euclides Pires de Assis), Wilson Vasco Mazin (da R. Amélia Blumer até a R. Capitão Lourival Mey), Carlos Roberto de Melo (da R. Cap. Lourival Mey até a R. 11) e Rua J (da Mário Léssio até a Av. Olívio Franceschini).

No início deste mês, aconteceram ações de pavimentação asfáltica tanto na Vila Real, em vias no entorno da Av. Thereza Ana, como a Rua Ernesto Bergamasco, quanto no Jd. Santa Rita. Neste último, foi refeito o pavimento de todo o trecho que vai da Rua Paulina Rosa até a Casemiro de Abreu, no entorno da Ponte da Esperança (Estaiada), na área que dá acesso ao Corredor Metropolitano. Além desta, houve pavimentação ainda na própria Av. Thereza Ana Cecon Breda, em trecho na Vila São Pedro, na saída para Sumaré, e na Rua Dr. Leandro Luiz Camargo dos Santos, em frente a agência dos Correios da Praça da Neusa, na Vila São Francisco. 

Publicidade

Desde o final de maio, a Prefeitura vem atuando em 17 frentes, em bairros como Remanso Campineiro, Parque Gabriel e Jardim Santana; Jardim das Colinas, Vila Real e Vila São Pedro; além do Jardim Santa Clara do Lago. Nos próximos meses, o serviço estará concluído, beneficiando toda a cidade.

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Continue Lendo

Populares