Famílias de alunos matriculadas na rede municipal de ensino de Hortolândia, que já receberam kits de alimentação da Prefeitura, serão chamadas novamente pelas escolas para retirar mais uma cesta de alimentos. A medida da Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia foi adotada para garantir a segurança alimentar de alunos em vulnerabilidade, enquanto as aulas regulares estão temporariamente suspensas, para conter a disseminação da COVID-19. Famílias que não pegaram o kit de alimentação na primeira remessa, podem procurar a secretaria da escola onde o aluno está matriculado, das 9h às 15h, e solicitar a retirada, que é agendada para os próximos dias.

A primeira remessa de kits começou a ser entregue em março. Até então, foram atendidos 23 mil alunos, incluindo os matriculados em escolas conveniadas pelo Bolsa Creche. O kit é composto por gêneros comumente utilizados no preparo da alimentação escolar.

De acordo com a diretora do Departamento de Segurança Alimentar, Alessandra Barbosa Sarto, a entrega dos alimentos segue um cronograma para evitar aglomerações. “Adotamos todos os protocolos sanitários para realizar a entrega dos kits de alimentação com segurança para os funcionários das escolas e para as famílias”, destacou.

“Estes kits suprem a necessidade dos alunos durante o período sem aulas com uma alimentação balanceada e o mais adequada possível, preparada pelas famílias, em casa. As famílias estão recebendo estes alimentos e entendendo que é uma ação importante diante da necessidade do momento”, destacou a secretária de Educação, Ciência e Tecnologia, Sandra Fagundes Freire.

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Artigo anteriorPrefeitura retoma análise de pedidos de alvará de construção
Próximo artigoMeninas da ginástica rítmica de Hortolândia doam máscaras a pessoas em vulnerabilidade social