Um homem foi picado por um escorpião-amarelo na residência onde mora na madrugada desta sexta-feira (30) na Rua Orlando Silva, no Jardim São Bento 2, em Hortolândia. O Pedro Brambila Júnior, de 33 anos, contou que ao deitar para dormir, sentiu duas picadas e percebeu que o escorpião estava na cama.

Em seguida saltou da cama aos gritos devido a dor que sentira. Sua mãe ao escutar o desespero correu até o quarto e puxou o lençol, foi quando o bicho caiu no chão e o pai do rapaz matou.

Júnior foi colocado no carro da família e foram direto para o Ponto Socorro da Unicamp, e levou o escorpião com ele. De acordo com Júnior, relatou a reportagem do Portal Hortolândia as fortes dores: ” a dor da picada era muito forte, parecia que minhas costas estava pegando fogo”, disse.

A família relatou que quase todas as casas da rua Orlando Silva, já foi encontrado escorpião. Eles acreditam a região esteja infestada

O rapaz foi atendido, medicado e passa bem.

Os escorpiões têm hábitos noturnos. A espécie é a mais perigosa da América do Sul, com um veneno que pode ser letal dependendo da quantidade injetada e das condições físicas da vítima.

Por Cézar Henrique

 

Nota de esclarecimento sobre soro antiescorpiônico no HES