Connect with us

Nossa Cidade

Estudantes da rede municipal recebem educação para o trânsito

Publicado

em

Estudantes do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental da rede municipal de Hortolândia também participam da campanha “Maio Amarelo”. Eles têm aulas e fazem atividades de educação para o trânsito, durante todo o ano letivo, dentro do programa “Caminhos para a Cidadania”, promovido pela concessionária CCR Autoban, em parceria com a Prefeitura de Hortolândia. Em razão da pandemia do Coronavírus, as atividades são disponibilizadas pela Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia, por meio do Espaço “Educação na Rede”, hospedado no site oficial da Prefeitura.

O “Caminhos para a Cidadania” é uma ação socioeducacional com foco em segurança no trânsito, mobilidade urbana, cidadania e cidadania digital. Segundo a Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia, além de capacitar profissionais da área, o programa disponibiliza materiais digitais, cursos EAD e estratégias de ensino pautadas no desenvolvimento das 10 Competências Gerais da BNCC (Base Nacional Comum Curricular) e nas competências socioemocionais, baseando-se em quatro pilares: aprender a conhecer; aprender a fazer; aprender a viver juntos e aprender a ser.

De acordo com a coordenadora pedagógica do Centro de Formação de Profissionais da Educação “Paulo Freire”, Carla Borrego Varani, responsável pelo programa em toda a rede, “dentro das escolas, o Maio Amarelo é trabalhado dentro do projeto CCrautoban – Caminhos para a Cidadania. O resultado final são os trabalhos desenvolvidos pelos alunos, através de cartazes, músicas, desenhos, que haja uma conscientização sobre os perigos e a prevenção de acidentes no trânsito”, esclarece ela.

É o caso da turma da professora Eliane de Fatima Vieira Galvão, da Emef (Escola Municipal de Ensino Fundamental) Fernanda Grazielle Resende Covre, na Vila Real. Para trabalhar o tema, mesmo de maneira remota, a professora fez uma roda de conversa virtual com os alunos do 2º ano D para falar sobre a iniciativa. “Expliquei o propósito da campanha ‘Maio Amarelo’ e apresentei a eles, por meio de alguns slides, assuntos como: o índice de mortes por acidentes no trânsito; a segurança no trânsito; os perigos nas rodovias; as principais causas de acidentes no trânsito e placas de sinalização. Apresentei também a charge ‘Desrespeito no Trânsito’, do cartunista Arionauro, para que analisassem o que havia de errado, e algumas sinalizações e leis de trânsito importantes. Deixei os alunos interagirem com comentários sobre o assunto. Em seguida, assistimos ao vídeo ‘Leis de Trânsito. Educação infantil’ do canal Conta Contos”.

Publicidade

Passadas as orientações, chegou a hora de os estudantes irem às atividades práticas. “Pedi aos alunos que realizassem um trabalho, mostrando o bairro onde moram, com os pontos principais. Realizei algumas perguntas orientadoras para facilitar na realização do trabalho. Alguns realizaram desenhos, outros confeccionaram uma maquete para representar uma cartografia da segurança e gravaram um vídeo apresentando algumas frases, conscientizando as pessoas sobre o respeito e segurança no trânsito. A participação dos alunos foi um sucesso, os pais ajudaram os filhos na produção e fiquei encantada com a dedicação, desenvoltura e criatividade dos alunos, que, por sua vez, se sentiram importantes e capazes de promover mudanças e exercer a cidadania. Acredito que, com esse projeto, mesmo sendo realizado de maneira remota, despertei o interesse e curiosidade dos alunos em conhecer um assunto que muitas vezes passava despercebido, por serem crianças, e que agora podem conscientizar as pessoas que dirigem a agirem com respeito e responsabilidade no trânsito”, avalia a professora, satisfeita com o resultado.

Maio Amarelo

O “Maio Amarelo” é uma campanha internacional realizada anualmente para conscientizar as pessoas e, deste modo, evitar acidentes de trânsito. Idealizada e coordenada pelo Observatório Nacional de Segurança Viária, a iniciativa é abraçada pelo Poder Público e parceiros da iniciativa privada, contando com o apoio da Prefeitura de Hortolândia, por meio da Secretaria de Mobilidade Urbana. Neste ano, o tema é “Respeito e Responsabilidade: Pratique no trânsito”.

 

Publicidade

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Nossa Cidade

Para integrar funcionários e famílias atendidas, Prefeitura promove festas típicas nos serviços de assistência social

Publicado

em

Eventos acontecem nos meses de junho e julho, como no CRAS Jd Amanda, na manhã desta terça-feira (05/07)

Durante os meses de junho e julho, a Prefeitura de Hortolândia promove festas típicas desta época do ano a fim de integrar as famílias atendidas pelo serviço de convivência e fortalecimento de vínculos e a equipe técnica de assistência social. Na manhã desta terça-feira (05/07), houve festa julina no CRAS (Centro de Referência de Assistência Social) do Jd. Amanda. O evento reuniu cerca de 100 pessoas, dentre elas famílias assistidas, servidores e os secretários de Inclusão e Assistência Social, Francisco Raimundo da Silva (titular) e Roberta Morais Diniz (adjunta); a primeira-dama e presidente do Fundo Social, Maria dos Anjos Assis Barros; vereadores; o diretor do Departamento de Inclusão Social, Jesus José Ribeiro da Costa, e a coordenadora da unidade, Amanda Regiane Magalhães.

Segundo a Secretaria de Inclusão e Assistência Social, o objetivo foi proporcionar momentos de confraternização, descontração, alegria, entretenimento e socialização para os participantes, contrastando com o tom dos atendimentos realizados nos serviços de assistência social. A festa contou com a parceria de comerciantes do bairro, que contribuíram cedendo brinquedos infláveis, comidas típicas e o bingo.

“O objetivo do evento é fortalecer o vínculo entre pais, filhos e o próprio Centro de Referência. Buscamos, cada vez mais, a integração com a comunidade. O CRAS realiza trabalhos sociais focados nas crianças, adolescentes e adultos”, ressalta a secretária-adjunta, Roberta Diniz.

Publicidade

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Continue Lendo

Nossa Cidade

Notícia sobre salgado com carne de cachorro em Hortolândia é falsa

Publicado

em

Uma Fake News referente a um comércio, localizado no bairro Jardim Santana, em Hortolândia, tem se espalhado pelas redes sociais.

A imagem com cor diferente no fundo onde esta escrito Hortolândia e ainda com ortografia errada para o nome do estabelecimento, cita que o dono do comércio foi preso por vender salgados recheados com carne de cachorro.

Porém, conforme podemos verificar com facilidade, houve modificação da foto, pois o conteúdo original foi publicado em 13 de abril de 2015, como podemos conferir neste link e ocorreu na Zona Norte do Rio de Janeiro.

Os primeiros parágrafos da matéria original citam que:

Publicidade

Uma investigação do Ministério Público do Trabalho – MPT- levou a apreensão do dono de um estabelecimento situado na Parada de Lucas, Zona Norte do Rio, que vendia pastéis e outros salgados recheados com carne de cachorro.

Os animais eram mortos nos fundos do estabelecimento a pauladas, desmembrados e congelados para uso posterior. A investigação do MPT teve início em 2013, quando a lanchonete foi descoberta, mas só agora as informações foram divulgadas à imprensa”.

FAKE NEWS É CRIME!

Vale ressaltar que, pelo Código Penal, a propagação de conteúdos falsos é crime e pode ser enquadrada nos crimes de calúnia, difamação e injúria.

Ou seja, se receber algo deste tipo, PESQUISE a fundo antes de propagar para amigos e familiares. Você pode estar colocando a vida ou o susto de alguém em risco, como ocorre agora com o proprietário deste Comércio.

Publicidade
Continue Lendo

Nossa Cidade

Hortolândia promove festival “Planeta Rock”, neste fim de semana

Publicado

em

Evento será no sábado e domingo (09 e 10/07), às 10h, no Parque Chico Mendes; público poderá doar um quilo de alimento não perecível

Tribos roqueiras de Hortolândia, alegrai-vos! As guitarras vão urrar em alto e bom som. O município promove a 8ª edição do festival “Planeta Rock”, neste sábado e domingo (09 e 10/07).

O evento será, às 10h, no Parque Socioambiental Chico Mendes, localizado entre as avenidas Olívio Franceschini e Santana, na região central. A realização é da Prefeitura em parceria com a loja Planeta Hippie.

Além de curtir muito rock, o público poderá praticar o bem com a doação de um quilo de alimento não perecível na campanha de arrecadação, que o FunSol (Fundo Social de Solidariedade), órgão da Prefeitura, promoverá nos dois dias do evento. 

Publicidade

O festival terá mais de 20 atrações de diferentes vertentes do rock (confira abaixo a programação). Um dos destaques é o grupo Madeira Brasil, que se apresentará no sábado, às 14h. O Madeira Brasil, formado por clarinetas, é um dos grupos do Centro de Educação Musical Municipal de Hortolândia (CEMMH) Maestro Ronaldo Dias de Almeida, órgão da Prefeitura, cujos integrantes são alunos e músicos formados no próprio centro.

Entre um show e outro, o público poderá recarregar as energias na praça de alimentação com food trucks. Para os pequeninos, o festival terá área kids com brinquedos infláveis (tobogã, balão pula-pula castelo e piscina com bolinhas). Outro atrativo será a feira de artesanato com empreendedores que integram o programa EcoSol (Economia Solidária), da Secretaria de Inclusão e Desenvolvimento Social. 

O secretário de Cultura, Régis Athanazio Bueno, destaca o encontro de gerações que acontecerá no evento. “Essa 8ª edição marca o retorno da vitrine que é o Planeta Rock. Será um encontro de gerações, entre bandas novas e músicos que participaram das sete edições anteriores, e que agora retomaram os ensaios para se apresentarem em grande estilo. É uma fusão musical de grandes amigos de palco, que oferecem o melhor do rock ao público da cidade”, destaca o secretário.

Confira abaixo a programação do 8º Planeta Rock:

Publicidade

Sábado (09/07):

– 10h: Tatto Brown (locutor da rádio Digital Pop)

– 11h: DJ André (clássicos do pop e do rock brasileiro e internacional)

– 14h: Raizamah (pop rock autoral) e Madeira Brasil (pop rck nacional)

– 15h: Dr. Raul (tributo a Raul Seixas)

Publicidade

– 16h: Porta Copos (classic rock)

– 17h: Rock Ao Cubo (classic rock)

– 18h: Dhrama (new metal)

– 19h: The Lokomotiv (pop rock) 

Publicidade

– 20h: Tio Véio (classic rock)

– 21h: Hangover (classic rock)

– 22h: The Noite (classic rock)

Domingo (10/07):

– 10h: Tatto Brown (locutor da rádio Digital Pop)

Publicidade

– 11h: DJ André (clássicos do pop e do rock brasileiro e internacional)

– 13h: 4 Guitar – Workshop instrumental de guitarra com os músicos Felipe Medeiros, Leozinho Oliveira, Isack Meres, Maelson Chagas e Uesley Motta

– 14h: Radiotaste (pop rock alternativo)

– 15h: Wilson e Os Intrusos (pop rock alternativo)

Publicidade

– 16h: Mr. Soad (cover do grupo System of Down)

– 17h: Fao Troffea (rock alternativo experimental)

– 18h: F3 Hardcore (hardcore)

– 19h: Nirvinia (cover do grupo Nirvana)

Publicidade

– 20h: Ufoos (cover do grupo Foo Fighters)

Continue Lendo

Populares