Repensar, reduzir, recusar, reutilizar e reciclar. Este é o lema de quem busca um planeta melhor, ambientalmente falando. Os chamados cinco Rs nortearam os trabalhos realizados ao longo do primeiro semestre por estudantes municipais de Hortolândia, em 29 escolas de Ensino Fundamental participantes do “Projeto Nosso Planeta, Nossa Casa”, uma iniciativa do Instituto 3M e do Instituto JA (Junior Achievement), de formação de jovens, que conta com o apoio da Prefeitura, por meio da Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia. Na tarde desta quinta-feira (27/06), parte do material produzido foi mostrado ao público numa exposição, realizada no auditório Andreia Marise Borelli, no Remanso Campineiro. O evento, que marca o encerramento do projeto, contou com a presença de cerca de 120 pessoas, dentre elas pais e responsáveis, alunos, profissionais da Educação, bem como a coordenadora de projetos da ONG JA, Roberta Alves e a coordenadora de projetos sociais da 3M, Liliane Moura. O prefeito Angelo Perugini foi representado pelo vice-prefeito José Nazareno Zezé Gomes, secretário de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável.

Um sem número de fotos, desenhos, logos para camisetas, poemas, móbiles, maquetes, porta-trecos e outros objetos expostos atiçavam a imaginação dos presentes. Potes plásticos de iogurte e caixinha de leite viram conjunto de bule e xícaras para chá; duas latas de sardinhas e quatro pares de tampinhas plásticas transformam-se em trenzinho, com locomotiva e vagão; de um frasco metálico de desodorante surge um helicóptero, com hélices de palitos de sorvete, assim como garrafas Pet dão origem a foguetes e aviões, confirmando a máxima de que a transformação permanente é uma das leis naturais. Cada escola enviou de três a cinco peças para a mostra.

“Aprendi várias coisas: como reciclar, como economizar água. Na minha turma, desenhamos uma camiseta. Em casa, também ensinei minha mãe a economizar mais água, no banho, em tudo”, comenta Ana Clara Nobre Ramos, de 9 anos, estudante da Emef Janilde Flores Gaby do Vale. Esta integração escola-família foi um dos pontos destacados pela secretária adjunta de Educação, Ciência e Tecnologia, Roberta Diniz em sua fala. “Eu quero agradecer muito a presença das famílias, que neste horário, uma quinta-feira à tarde, em que todos têm muitos compromissos, dispõem de um tempo para vir acompanhar o filho aqui. Eu tenho certeza que é com orgulho que vocês vêm representar a escola. A gente sabe que todo este material da exposição, antes de estar aqui, deu trabalho para fazer, movimentou a família em casa para procurar material, lavar garrafa para atender e conseguir chegar neste produto final, que está maravilhoso”, ressaltou.

O secretário Zezé Gomes destacou que os bons frutos colhidos na área ambiental em Hortolândia se devem, em parte à parceria entre Educação e Meio Ambiente. “Eu vejo que nossos alunos e seus pais, presentes aqui hoje, são este elo da nossa escola com a sociedade de um modo geral. Os projetos que nós desenvolvemos aqui são sempre muito ousados, que a gente leva para a rua e a sociedade para trazer resultados positivos. A nossa cidade, na área ambiental, tem números bons e vem se destacando por isso, graças à educação, aos nossos alunos, aos nossos professores, aos educadores que levam como matéria curricular tudo isso que estamos falando, no dia a dia. Quero agradecer por esta parceria e trazer a vocês o abraço do prefeito Angelo Perugini”, afirmou ele.

“Nosso Planeta, Nossa Casa”

O foco do “Projeto Nosso Planeta, Nossa Casa” são os conceitos de responsabilidade social e sustentabilidade, envolvendo a preservação do meio ambiente e o compromisso com a responsabilidade socioambiental. Ao todo, aproximadamente 2.700 alunos em 102 turmas de 4o ano, 132 professores e assistentes de direção e coordenadores participaram do projeto em 29 escolas municipais, neste ano. As duas entidades parceiras cederam kits de materiais, contendo manual do professor, livros consumíveis para os estudantes e jogos para uso em grupos de quatro pessoas. Ao final, além de terem os trabalhos na exposição, os participantes receberam certificados. Este é o quarto ano de parceria entre a Administração, a 3M e o Instituto JA. 

“A parceria com a 3M e a JA muito nos alegra, pois entendemos que a educação se faz com muitas mãos e é importantíssimo termos a iniciativa privada como nossa parceira, desenvolvendo atividades nas nossas escolas, abrilhantando o trabalho e qualificando ainda mais, dando um colorido para o trabalho pedagógico. Para nós é uma parceria muito importante e esperamos ter muitas outras. O tema, falando do nosso planeta, deixa muito claro a responsabilidade que cada um de nós, cada professor, cada criança, tem com o cuidado na preservação do planeta. Se nós pudermos fazer um pouquinho dentro da nossa casa, dentro da nossa escola, e a união de muitas mãos, vamos ter o planeta preservado e bem cuidado”, afirmou a secretária Sandra Fagundes Freire. 

Segundo a Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia, a ideia é que, o material seja exposto nas próprias escolas, podendo ser visitado pela comunidade escolar.

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia