A ONG Lona das Artes, de Campinas, realizará neste 5 de junho uma ação educativa em Hortolândia para lembrar o Dia Mundial do Meio Ambiente. Celebrada em todo o planeta, a data foi instituída pela Organização das Nações Unidas (ONU), em 1972, durante a Conferência sobre o Meio Ambiente Humano, em Estocolmo, na Suécia.

A importância da reciclagem dos resíduos para a preservação do meio ambiente é o tema do espetáculo circense Aqua Circus que a ONG apresentará às 14 horas para estudantes de 12 a 17 anos da Escola Estadual Jardim Aline (Rua Projetada, s/n, bairro Jardim Aline), em Hortolândia. O enredo aborda os malefícios do descarte incorreto de resíduos para o ecossistema, como a poluição da água de rios e córregos. Pela manhã, às 9h30, o evento será na Escola Estadual Professor Messias Gonçalves Teixeira, em Campinas.

A Lona das Artes utiliza a arte circense como instrumento de educação ambiental e foi uma das ONGs selecionadas na terceira edição do edital ‘Ideias para um Mundo Melhor’, em 2018, recebendo apoio e incentivo financeiro da Coca-Cola FEMSA Brasil para seguir com suas atividades voltadas à educação, cultura, cidadania e ao meio ambiente.

“A proposta da Lona das Artes contribui para a conscientização sobre temas tão relevantes para a empresa e para toda a sociedade, em uma data bastante oportuna para esse tipo de reflexão, como o Dia Mundial do Meio Ambiente”, salienta Wanessa Scabora, Gerente de Comunicação Externa e Sustentabilidade da Coca-Cola FEMSA Brasil.

Além de produzir o espetáculo, a instituição buscou trabalhar a temática da reciclagem entre os alunos do projeto. Monitores e educadores promoveram palestras e orientaram atividades como a montagem de lixeira para coleta seletiva e floreiras com o reaproveitamento de pneus descartados, conta Rodrigo Cachanco, coordenador pedagógico da Lona das Artes. Também foi realizado um vídeo sobre reciclagem durante as aulas de produção audiovisual ministradas pela ONG, que estará disponível em facebook.com/lonadasartes

Capacitação gratuita

Sediada há 16 anos na Vila Padre Anchieta, em Campinas, a ONG oferece aulas gratuitas de técnicas circenses, teatro e balé para aproximadamente 70 crianças e adolescentes entre 13 e 17 anos, oriundos de Campinas, Hortolândia e Sumaré. Conta ainda com programas voltados à capacitação profissional de jovens em áreas relacionadas às atividades artísticas, como cenografia, maquiagem, figurino, iluminação e sonorização, entre outras. Educandos do projeto incorporam palhaços, bailarinas e demais personagens lúdicos nas apresentações. Voluntários que atuam como educadores e monitores também integram os espetáculos socioeducativos.

Rodrigo informa que, recentemente, a Lona das Artes passou a oferecer serviços de coleta de resíduos plásticos para venda a recicladoras especializadas. Instalada próxima à sede da ONG, a atividade emprega pais de jovens atendidos pela instituição e tem a proposta de gerar recursos para a sustentabilidade financeira da entidade além, é claro, de colaborar para a necessária preservação ambiental.