Para estimular a circulação e a troca de conhecimentos, a Escola de Gestão Pública de Hortolândia (EGPH), órgão da Prefeitura, realizará, no dia 27/03, um simpósio com o tema “A realização de direitos sociais e os desafios da gestão pública municipal”. O evento, comemorativo ao 14º aniversário do órgão, será das 8h às 17h, na FACH (Faculdade de Hortolândia), localizada na avenida Santana, 1.070, Jardim Amanda. O evento gratuito é aberto para a participação de servidores públicos e do público. Os interessados devem se inscrever por meio de um requerimento e enviá-lo para o e-mail

\n

O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.


. O requerimento está no edital do evento, publicado no Diário Oficial Eletrônico, que está disponível por meio deste LINK.

O simpósio terá atividades nos períodos matutino e vespertino. De manhã, das 8h às 12h, a programação terá conferências sobre dois temas, que serão ministradas por palestrantes convidados. Um dos temas será “O Estado brasileiro e o marco constitucional e legal da gestão pública nos municípios”, que abordará a situação atual e os possíveis impactos das propostas de reforma administrativa que estão em debate no Congresso Nacional. 

O outro tema será “Financiamento e efetivação das políticas públicas no âmbito de município, que discutirá os impactos do novo regime fiscal proposto pela EC (Emenda Constitucional) Nº 95/2016 e das propostas de reforma tributária no orçamento público e nos municípios.

Já no período da tarde, das 13h às 16h45, estão programadas salas de debate temático com apresentação de painéis e trabalhos desenvolvidos por servidores, professores e alunos das redes pública e particular de ensino, moradores, associações e entidades do município. 

De acordo com o diretor da EGPH, Carlos Maldonado, o objetivo é abrir espaço para que servidores, estudantes, professores e o público apresentem trabalhos relacionados com os temas de cada sala. Quem quiser inscrever um trabalho, deverá enviá-lo para o e-mail

\n

O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.


. A data para envio dos trabalhos é até o dia 19/03. As propostas serão analisadas pela comissão organizadora do simpósio.

Serão três salas de debates temáticos. Cada uma poderá ter até oito apresentações, com 20 minutos de duração, seguida de debate, com duração de 10 minutos. 

A sala 1 terá o tema “Desafios da qualidade, equidade e universalidade das políticas públicas no município (reflexões e experiências nas áreas de saúde, educação, assistência, cultura, segurança e esporte). Os temas da sala 2 serão “Cidades saudáveis, inteligentes e sustentáveis – O planejamento urbano e metropolitano, frente aos objetivos de desenvolvimento sustentável” e “Desenvolvimento econômico e geração de emprego e renda – O contexto socioeconômico, as possibilidades e os desafios das cidades e dos governos locais”. A sala 3 terá os temas “Orçamento público, política tributária e financiamento de políticas públicas” e “Instrumentos de gestão de pessoal I: O papel da gestão na eficácia da função social das servidoras e servidores públicos. Formação continuada, avaliação de desempenho e carreira; dimensionamento da força de trabalho; e condições de trabalho e saúde ocupacional (possibilidades, experiências e desafios)”.

EGPH

A Escola de Gestão Pública de Hortolândia (EGPH) foi criada em 2006, no primeiro mandato do prefeito Angelo Perugini, inicialmente como um programa de valorização e capacitação dos servidores com o objetivo de melhorar a qualidade dos serviços públicos prestados pela Prefeitura à população.

Depois, em 2010, no segundo mandato de Perugini, a Escola de Gestão foi elevada à categoria de divisão vinculada ao Departamento de Gestão de Pessoal da então Secretaria de Administração. Ao longo de 13 anos de funcionamento, a Escola de Gestão já capacitou milhares de servidores municipais. Em 2019, a Escola de Gestão passou à condição de departamento da Secretaria de Administração e Gestão de Pessoal.

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia