O CREAS (Centro de Referência Especializado em Assistência Social) de Hortolândia, por meio do Departamento de Direitos Humanos e do Conselho Municipal do Idoso, no Dia Mundial de Conscientização da Violência Contra a Pessoa Idosa (15 de junho), ressalta a importância da denúncia no combate a possíveis violências contra pessoas idosas no município.

As denúncias podem ser feitas pelo Disque 100, canal oferecido pelo Governo Federal, ou pelos telefones (19) 3897-4083, (19) 3909-4546, (19) 3949-4653 (CREAS) ou (19) 3897-1126 (Direitos Humanos).

De acordo com informações do Departamento de Direitos Humanos da Prefeitura, o Dia de Conscientização da Violência Contra a Pessoa Idosa, busca alertar a sociedade da existência da violência e omissão nos casos que podem resultar em morte, dano ou sofrimento físico ou psicológico destas pessoas.

Recentemente, levantamento feito pelo Governo Federal, através Disque 100, apontam que somente no primeiro semestre deste ano, mais de 33,6 mil denúncias foram feitas pelo canal do Ministério do Estado da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos contra idosos no Brasil. “O assunto é muito sério e a conscientização é o primeiro passo para que possíveis violências contra a população idosa possam ser denunciadas e investigadas”, pontuou a nota do Departamento de Direitos Humanos.

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Artigo anterior15 vaga(s) abertas para ajudante geral para trabalhar em Hortolândia
Próximo artigoDiferenças de preço das passagens aéreas em Campinas. Resposta não foi satisfatória