A população pode colaborar para manter a cidade limpa, proteger o meio ambiente e ainda auxiliar pessoas em vulnerabilidade social. Para isso, basta separar e descartar corretamente resíduos reaproveitáveis, por meio do serviço de coleta seletiva porta a porta realizado pela Prefeitura de Hortolândia. O serviço foi retomado em agosto deste ano. A coleta havia sido suspensa no início da pandemia do Coronavírus, em março deste ano. A coleta seletiva é uma iniciativa das secretarias de Serviços Urbanos e de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável.

Atualmente, o serviço é realizado em 32 dos 114 bairros, de segunda a sexta-feira (confira abaixo os bairros onde a coleta é realizada), de acordo com a Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável. Até setembro deste ano, o serviço já recolheu 180.313 kg de material reaproveitável.

A coleta seletiva é importante por trazer melhor qualidade de vida para a população. O serviço também representa economia, uma vez que o município poupa recursos ao evitar o transporte e o aterramento dos resíduos.

O material recolhido via coleta seletiva é encaminhado para a Cooperativa Águia de Ouro, parceira da Prefeitura. Fundada em 2001, a cooperativa reúne atualmente 23 cooperados, pessoas entre 29 e 65 anos de idade, em situação de vulnerabilidade social. Com o que a cooperativa arrecada com a coleta, triagem e venda de recicláveis, cada cooperado ganha de R$ 1.180,00 a R$1.500,00 por mês.

Nas regiões onde a coleta seletiva porta a porta não é realizada, a população pode fazer o descarte correto de resíduos nos PEVs (Pontos de Entrega Voluntária de entulho e outros materiais recicláveis) e LEVs (Locais de Entrega Voluntária de Recicláveis) existentes na cidade.

Nos PEVs, os moradores podem descartar com segurança, gratuitamente, resíduos recicláveis e reaproveitáveis, como entulhos de construção, isopor, plástico PET, sofás, colchões velhos, o chamado “resíduo eletrônico”, dentre outros. Neles, não é permitido o descarte de lixo orgânico, resíduos industriais e provenientes dos serviços de saúde. No caso dos resíduos de construção, a quantidade de descarte é limitada a 1m³ por pessoa por mês, quantidade que equivale a 1.300kg, ou seja, cerca de 26 sacos de ráfia de 50kg ou o volume de uma caixa d’água de 1.000 litros. O horário de funcionamento dos PEVs é de segunda a domingo, inclusive feriados, das 8h às 12h e das 13h às 16h30, com exceção dos PEVs Orestes Ôngaro e Jardim Santiago.

Atualmente, o município conta com 11 PEVs. Em julho deste ano, a Prefeitura inaugurou, em parceria com a Caixa Econômica Federal, novos PEVs nas regiões do Jardim Nossa Senhora de Fátima, Jardim Santa Emília e no Jardim Santa Esmeralda. Em razão da pandemia, a Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável ressalta que a população só pode utilizar os PEVs para descarte regular com o uso obrigatório de máscara. Estão em fase de construção mais dois PEVs no Jardim Nova Alvorada e no Jardim São Sebastião. (Confira abaixo a lista dos PEVs existentes na cidade)

Já nos LEVs é possível descartar materiais como embalagens de vidro, garrafas pet, plásticos, papéis e papelões, isopor, copo descartável, entre outros materiais. Os LEVs recebem materiais 24h, todos os dias (Confira abaixo a lista dos LEVs existentes na cidade). A cooperativa também recebe os materiais recicláveis que a população descarta nos PEVs e LEVs.

A Prefeitura de Hortolândia implantou o serviço de coleta seletiva porta a porta em 2018. Neste ano, foram recolhidas cerca de 116 toneladas de materiais recicláveis. Já em 2019, o serviço recolheu cerca de 375 toneladas de materiais reaproveitáveis.

Veja os dias e os bairros atendidos pela coleta seletiva porta a porta:

Segunda-feira (manhã): Jardim Nossa Senhora de Fátima, Núcleo Santa Izabel, Jardim Nossa Senhora da Penha, Jardim Santo Antonio, Jardim Viagem e Jardim Santa Cândida

Segunda-feira (tarde): Jardim Nossa Senhora de Lourdes, Jardim São Benedito e Chácaras Fazenda Coelho

Terça-feira (manhã): Jardim Adelaide, Jardim Terras de Santo Antonio, Vila Ipê, Jardim Lírio, Jardim Paulistinha

Terça-feira (tarde): Jardim Santa Esmeralda e Chácara Assay

Quarta-feira (manhã): Jardim Residencial Firenze e Parque Ortolândia

Quarta-feira (tarde): Jardim Novo Cambuí, Jardim das Figueiras I e II, Loteamento Adventista Campineiro e Jardim São Sebastião

Quinta-feira (manhã): Jardim Rosolém, Jardim Santa Izabel e Jardim Ricardo

Quinta-feira (tarde): Jardim Sumarezinho

Sexta-feira (manhã): Remanso Campineiro, Jardim das Paineiras e Vila São Francisco

Sexta-feira (tarde): Parque Gabriel e Parque São Miguel

Veja a lista de PEVs existentes na cidade:

•PEV 1 – Jd. Nossa Senhora Auxiliadora: rua Antônio João de Amorim, esquina com a rua Sebastiana Oliveira da Silva

• PEV 2 – Jd.Adelaide: rua Paulo Roberto Soares (antiga rua 9), esquina com a Rua Benedito Macedo

• PEV 3 – Parque Gabriel: avenida Joaquim Martarolli, 2005

• PEV 4 – Jardim Interlagos: rua Rio Tapajós (antiga rua 5)

• PEV 5 – Vila Real: rua Orlando Cavalcante, esquina com a rua Joaquim Gregório de Moraes

• PEV 6 – Jardim Amanda: rua Augusto dos Anjos, s/nº

• PEV 7 – Orestes Ôngaro: rua Rio Pardo (antiga rua 13), 50, dentro do Aterro de Inertes

• PEV 8 – Jd. Santiago: rua João Joaquim Calixto, 230

• PEV 9 – Jd. Nossa Senhora de Fátima: rua Manoel Antônio da Silva, 610

• PEV 10 – Jd. Santa Emília: rua Luísa Febrônio Marini

• PEV 11 – Jd. Santa Esmeralda: rua Ágata, s/nº

Em construção:

• PEV 12 – Jd. Nova Alvorada: rua Alcebíades Marques (antiga rua 5), próxima ao Parque Socioambiental Lago da Fé

• PEV 13 – Jd.  São Sebastião: rua Prof. Lúcio Alves da Costa (praça 2), no Loteamento Adventista Campineiro, próximo à AMCRESS (Associação dos Moradores do Jardim São Sebastião)

Veja a lista de LEVs existentes na cidade:

1. LEV Pq. Ortolândia: rua Pastor Germano Ritter (Praça Vereador José Costa Camargo, próximo à Sabesp)

2. LEV Jd. Firenze: rua Veneza (em frente ao Fórum) ​​

3. LEV Amanda: rua Tiradentes (em frente à lagoa​)​

4. LEV Pq. Socioambiental Chico Mendes: rua João Mendes, s/nº, Pq. Ortolândia ​​

5. LEV Jardim Everest: rua Pico do Itatiaia, em frente ao Nº 88​​

6. LEV Lago da Fé: avenida Wesley Dias Rodrigues, Jd. Nova Alvorada ​​

7. LEV Vila Real: avenida São Francisco de Assis (Praça da Paróquia Nossa Senhora do Rosário)​​

8. LEV Jd. Santa Esmeralda: rua Turmalina (em frente à EMEF Jd. Santa Esmeralda) ​​

9. LEV Jd. Nossa Senhora de Fátima: rua Cícero Ramos Meira (em frente à E.E. Pastor Roberto) ​​

10. LEV Jd. Nossa Senhora de Fátima: rua Albina Rodrigues Pereira, s/nº ​​

11. LEV Jd. Nossa Senhora de Fátima: rua Armelinda Espúrio da Silva, 785 (dentro da EMEB Josias da Silva Macedo) ​​

12. LEV São Sebastião (metálico): rua Pastor Ernesto Roth, 705, Loteamento Adventista Campineiro (divisa com Residencial São Sebastião)

13. LEV Jd. Novo Horizonte: rua Moacir de Souza Campos (em frente à EMEF Taquara Branca)                                                                 

14. LEV Palácio das Águas: rua José Cláudio Alves dos Santos, 585, Remanso Campineiro               ​​

15. LEV Câmara Municipal: rua Joseph Paul Julien Burlandy, 250, Parque Gabriel                                 

16. LEV Rua Luiz Camilo de Camargo, 630, Remanso Campineiro (ao lado da Casas Bahia)                                             

17. LEV Rua Alda Lourenço, em frente ao Nº 221, Remanso Campineiro (Praça do Bambino)                                             

18. LEV E.E Priscila Fernandes da Rocha: rua Santos Dumont, Jd. Amanda               

19. LEV E.E Prof. Conceição Aparecida Terza Gomes Cardinales: rua Visconde do Rio Branco, Jd. Amanda          ​​

20. LEV do Remanso das Águas: Estrada Municipal Sabina Batista de Camargo, perto do quiosque

21. LEV Jardim Santa Clara do Lago: rua Bolívia, ao lado do CREAPE, em frente a EMEF Viva Mais22. LEV Pq Orestes Ôngaro: rua Domingos Batista de Souza, na praça ao lado do quiosque

Artigo anteriorNovas ruas próximas ao Sesi já estão asfaltadas
Próximo artigoIBM abre Programa de Estágio 2020