Nossa Cidade

ACIAH solicita reforço e orienta empresários e clientes

GM centro

Visando o aumento da segurança dos empresários e clientes, e com a chegada das festas de final de ano, a ACIAH (Associação Comercial e Industrial de Hortolândia) protocolou nesta semana ofícios junto a PM (Polícia Militar) e a GM (Guarda Municipal) solicitando reforço do policiamento na áreas comerciais da cidade.

A medida visa à intensificação da ronda policial para evitar assaltos, queremos é que os empresários, de todos os setores, estejam atentos ao que devem fazer para evitar a ação dos criminosos. Os assaltos são problemas existentes na cidade, mas a classe empresarial e a comunidade precisam se unir para dificultar ao máximo as ações criminosas.

Uma sugestão para os comerciantes , é integrar o sistema de segurança de estabelecimentos . As imagens das câmeras instaladas em áreas externas, para monitorar a movimentação das ruas e calçadas, criariam uma rede para auxiliar o trabalho de investigação da polícia.

A ACIAH está à disposição dos empresários para ouvir as solicitações, e dentro das possibilidades de atuação da entidade buscar soluções para os problemas.
Os comerciantes também podem apresentar sugestões. Basta se encaminhar a sede da ACIAH, na Rua Zacarias Costa Camargo, 150, no Centro, ou ligar para o telefone 3965-9585


Confira como agir e as medidas para dificultar a ação dos criminosos

Para as empresas:

– Instalar câmeras de segurança interna e externa com gravação;
– Instalar botões antipânico ligado à Central de Segurança terceirizada;
– Vigilante externo durante o expediente ou somente no fechamento;
– Se possível acesso controlado com identificação na portaria e crachá;
– Deixar no caixa somente o dinheiro do troco;
– Separar em locais estratégicos o restante do dinheiro;
– Se tiver grande movimentação de dinheiro, escoar de hora em hora.

Para o cliente:

– Evite expor objetos pessoais e de valor, como relógios, joias e telefones;
– Leve na bolsa e na carteira somente o suficiente para o consumo;
– Desconfie de estranhos e de conversas envolventes;
– Ao menor sinal de perigo procure ajuda;
-Transporte objetos pessoais (carteiras, celulares, bolsas) à frente do corpo;
-Não deixe a bolsa pendurada nas cadeiras dos restaurantes;
-Não deixe objetos sobre a mesa ou prateleiras quando se distanciar ou for ao banheiro;
– Esteja atento à movimentação do ambiente.

Para todos os envolvidos:

-Não reaja ao assalto;
-Não tente negociar com os criminosos;
-Evite encará-los;
-Mantenha a calma. A ação não dura mais do que três minutos.

Lei Proibida a reprodução total ou parcial, sem autorização previa do Portal Hortolandia . Lei nº 9610/98