Que tal curtir as férias conhecendo a vida e obra de um homem que, embora não tenha aqueles superpoderes dos heróis de quadrinhos, foi tão genial que faz parte do nosso cotidiano, desde o leitinho pasteurizado que quase todo mundo toma até as vacinas, tão necessárias e importantes. O nome dele é Louis Pasteur (1822-1895) – um pesquisador francês incansável e um mestre na difusão de informações – tema da exposição presencial Pasteur, O Cientista, que ocupa o galpão do Sesc Campinas.

A mostra é interativa e traz muito conhecimento e diversão para crianças e adultos. Por meio de filmes, jogos e atividades com áudios legendados e textos transcritos em Braile, os cenários contam a história e os feitos do pesquisador, os avanços na ciência com suas descobertas e como seus experimentos transformaram a vida de todos nós.

A exposição está aberta de terça-feira a sexta-feira, às 10h30, 13h30, 16h, 18h; e aos sábados, às 10h30 e às 12h30. Com quantidade limitada de pessoas por sessão e seguindo todas as recomendações de segurança sanitárias, o agendamento deve ser feito neste link: Agenda Exposição Pasteur, O Cientista.  

Aventura da descoberta
O que encontrar nesse curioso passeio? Logo no início, o visitante é surpreendido com projeções de imagens em 3D no imponente busto de Pasteur, enquanto a voz de sua mulher, Marie Pasteur, narra a trajetória do marido.

Ao caminhar pela área de mil metros quadrados do galpão do Sesc, o público vai conhecendo não apenas a ciência do século XIX – época de desenvolvimento e inovações – mas revive as descobertas de Pasteur em experiências interativas.

Estruturada em seis atos, como uma peça de teatro, a exposição apresenta as descobertas de Pasteur em ordem cronológica: desde a solução de um enigma químico – cristais de ácido do vinho aparentemente iguais reagiam à luz de forma diferente – até a vitória contra a raiva, doença até então incurável.

Os ambientes trazem filmes, aparelhos, mecanismos, jogos de charadas, vitrines mágicas e instrumentos de época que desfilam as descobertas de Louis Pasteur na Química, no trabalho com os micro-organismos e na imunização de animais e seres humanos.

O visitante pode entender, por exemplo, a pesquisa da vacina antirrábica num filme de animação em que uma menina, espiando da casa vizinha à do laboratório, acompanha os testes de Pasteur em coelhos; entende, através de um “microscópio”, como micro- organismos podem sobreviver sem oxigênio; espia pelo gargalo de garrafas de vinho para  descobrir os segredos da fermentação da bebida; decifra junto com Pasteur o segredo  dos “pastos malditos”, locais onde rebanhos inteiros morriam de antraz, entre outras atividades.

No final, um módulo especialmente produzido faz a ligação de Pasteur com o Brasil: pesquisas desenvolvidas por aqui, a admiração de D. Pedro II pelo cientista, o desenvolvimento nacional da produção de vacinas pelos Institutos Butantan e Oswaldo Cruz.

A exposição, organizada e concebida pela Universcience – órgão do Ministério da Cultura da França, é uma realização no Brasil do Sesc SP, com patrocínio do Magazine Luiza e apoio da Embaixada da França no Brasil, da Fiocruz e do Instituto Butantan.

Serviço
PASTEUR, O CIENTISTA
Visitação de terça a sábado, mediante agendamento prévio pelo link: https://www.sescsp.org.br/programacao/225065_PASTEUR+O+CIENTISTA
Recomendação etária: Livre
Sesc Campinas: Rua Rua Dom José I, 270/333 – Bonfim, Campinas (SP)
Entrada Gratuita

Artigo anteriorAdministrativo e Vendas para trabalhar em Hortolândia
Próximo artigoEstado de São Paulo gera mais de 100 mil novos postos de trabalho em maio