Pc velho e lerdo ganha vida com HDs SSD que turbina a inicialização do sistema operacional e responde rápido para abrir arquivos.

O que é SSD? SSD ou unidade de estado sólido é um tipo de dispositivo, sem partes móveis, para armazenamento não volátil de dados digitais. São, tipicamente, construídos em torno de um circuito integrado semicondutor, responsável pelo armazenamento, diferindo dos sistemas magnéticos ou óticos

As tecnologias que compõe o SSD começaram a surgir na década de 70, mas apenas no fim dos anos 2000 é que o SSD começou a aparecer da forma que nós conhecemos hoje. Para a sua conexão, ele utiliza cabos SATA ou conectores PCIe que variam de acordo com seu fabricante.

Diferente do que ocorre no HD convencional, o SSD utiliza memórias Flash para fazer o armazenamento de seus dados, e só vem no tamanho de 2,5 polegadas podendo ser instalado em computadores e notebooks.

Vantagens

  • Velocidade – O SSD alcança velocidades entre 200MB/s à 500MB/s, que garantem mais velocidade para iniciar um sistema operacional ou abrir programas e arquivos em comparação ao HD convencional;
  • Não faz barulho – Como o seu funcionamento não envolve nada mecânico, apenas o acesso as memórias Flash, não é possível escutar nenhum som vindo dele;
  • Mais resistente – Por não possuir discos móveis como o HD, o SSD dificilmente sofrerá algum dano ou perda por conta de ser movimentado. Além disto, ele não sofre possíveis perdas ou corrupção de arquivos por interferências magnéticas;
  • Baixo consumo de energia – O SSD chega a gastar duas vezes menos energia que um HD convencional.

Para comprar um SSD acesse este link

Artigo anteriorEmprego: Representante de produtos de laboratório
Próximo artigoEMS inicia Programa Primeiro Emprego áreas Biológicas