Outros

Ram Rampage 2024 causa tumulto entre os concorrentes

Ram Rampage

A Ram Rampage 2024 está causando alvoroço entre os concorrentes do mercado de picapes compacta-médias. Desde seu lançamento no segundo semestre do ano passado, o modelo tem mostrado sua força ao competir com nomes como Fiat Toro, Chevrolet Montana, Renault Oroch e Ford Maverick. Comprovando seu sucesso, a Ram Rampage 2024 já conquistou a segunda posição no ranking, como evidenciado durante nossa avaliação do veículo na última semana.

Produzida no Brasil e atrás apenas da Fiat Toro, a Ram Rampage é oferecida nas versões Rebel, com preço a partir de R$ 252 mil; Laramie, com preço a partir de R$ 263 mil e que agora conta com o acabamento Night Edition; e R/T, com preço a partir de R$ 290 mil.

Um dos destaques da linha Ram Rampage 2024 é o motor turbo Hurricane 4 – que agora também equipa os Jeeps Compass e Commander. São 272 cavalos de potência e 400 Nm de torque gerados pelo propulsor dois litros e quatro cilindros em linha a gasolina.

Essa motorização na versão R/T, a mais esportiva de todas e que avaliamos, acelera a Rampage de 0 a 100 km/h em 6,9 segundos e tem velocidade máxima limitada de 220 km/h. Nas versões Rebel e Laramie o desempenho é um pouco inferior, com o 0 a 100 km/h em 7,1 segundos e velocidade máxima de 210 km/h.

Quando a versão é equipada com este motor, a Rampage conta com escapamento duplo que, na versão R/T, produz um som ainda mais instigante, que é possível ouvir na abertura desse vídeo https://youtu.be/Teuiz1YMGtg.

Ram Rampage – interno

No volante da Rebel e da Laramie há o botão Sport, que altera o visual do quadro de instrumentos digital, torna mais rápidas as respostas de acelerador e direção e programa as trocas de marchas em giros mais altos. Na R/T, esse comando leva o nome da versão e altera ainda mais esses pontos.

A outra motorização que equipa apenas as versões Rebel e Laramie é o Multijet Turbo Diesel, de dois litros, que entrega 170 cavalos de potência e 380 Nm de torque, capaz de ir de 0 a 100 km/h em 10,9 segundos e atingir até 186 km/h.

Todas as versões da Ram Rampage, independente da motorização, são equipadas com a transmissão automática com seletor giratório de nove velocidades da alemã ZF, além da opção de trocas manuais através de aletas no volante. A tração é sempre 4×4 automática, que distribui a força entre os dois eixos, com opção de reduzida por meio de um botão no console central.

A versão Rebel tem visual off-road, com o uso extensivo de peças externas com acabamentos preto e grafite. As rodas e a grade, em formato trapezoidal, têm desenho exclusivo. Na Rampage Laramie, predominam os acabamentos cromados e prateados em peças como grade dianteira, molduras dos vidros, capas dos retrovisores, maçanetas, logotipos, rodas e para-choque traseiro.

A R/T, conta com uma mescla de componentes na cor da carroceria e preto brilhante. Destaque ainda para o teto pintado em preto, as grandes faixas no capô e o emblema da versão nos para-lamas traseiros e nas faces das rodas também exclusivas.

Vale ressaltar ainda a atenção colocada nos detalhes da Rampage, como nos conjuntos óticos, ambos inteiramente de LED. Na frente, os faróis têm assinatura marcante e as setas são dinâmicas, com a luz se movimentando de dentro para fora. Ainda nos faróis, eles contam com um projetor de função dupla, responsável pelo farol baixo e alto. E os faróis de neblina também são em LED.

Na traseira, as lanternas trazem grafismos que, quando iluminados, remetem à bandeira dos Estados Unidos da América, com listras vermelhas e a luz de ré formando o retângulo das estrelas. Ambos os conjuntos óticos ainda possuem um welcome movement ao ligar a picape.

No interior da Rampage, os bancos criam a sensação de poltrona de sala de estar. Tudo com um nível muito alto de acabamento, como se vê na escolha de materiais nobres como couro perfurado em todas as versões. Na R/T o suede é exclusivo e conta com costuras vermelhas para incrementar ainda mais o visual esportivo.

O ar-condicionado é sempre digital, de duas zonas, e ainda inclui saídas para os passageiros de trás. A luz ambiente é em LED e no sistema de som pode ser o premium Harman Kardon, que conta com 10 falantes distribuídos na cabine, sendo um deles um subwoofer de 6” localizado abaixo do banco do passageiro.

O painel de instrumentos é revestido em couro, assim como o painel de portas, o apoia braço central e o volante multifuncional com ajuste de altura e profundidade.

Na versão Rebel, o revestimento do painel de instrumentos é revestido em couro preto, na Laramie em couro marrom e na R/T em suede. Além deste cuidado, painel de porta dianteiro e a parte superior do painel de instrumentos são de toque macio, o que ajuda inclusive a reduzir o ruído interno na cabine.

A Ram Rampage conta com 22,6 polegadas de telas. São 10,3” do quadro de instrumentos full digital e 12,3” do monitor da central multimídia Uconnect. Além do tamanho e da definição da tela, o sistema se destaca pelo uso intuitivo e pela quantidade de recursos, como conexão sem fio para Android Auto e Apple CarPlay e possibilidade de parear dois smartphones ao mesmo tempo.

No console central, outro ponto alto é o RamCharger, carregador de celular por indução com saída de ar para resfriar o telefone. Falando em carregamento, são seis portas USB, sendo três do tipo C, espalhadas pela cabine. Vale lembrar que duas dessas estão posicionadas em um porta-objetos localizado abaixo do console central.

Em relação às principais dimensões externas, a Rampage tem 5.028 mm de comprimento, 1.886 mm de largura, 1.780 mm de altura, 2.994 mm de entre eixos e 264 mm de vão livre entre os eixos.

A capacidade de carga é de 1.015 quilos nas configurações a diesel, 750 quilos com o propulsor a gasolina, conta com revestimento plástico em todas as versões e tem 980 litros de capacidade volumétrica. A caçamba conta com abertura elétrica por um botão na chave, tem amortecimento, para baixar com suavidade e facilitar o levantamento, e iluminação interna em LED.

O Portal Hortolândia conferiu que em todas as versões da Ram Rampage os freios são a disco ventilados nas quatro rodas, com 305 mm de diâmetro na frente e 320 mm atrás. O freio de estacionamento é eletrônico e tem o recurso Auto Hold, facilitando a vida do motorista em trânsito pesado.

Nos aclives, há ainda o assistente para partida em rampa. Também de série em todas as versões há o recurso Hill Descent Control (HDC), para descidas íngremes no off-road.

Notas Rápidas, por Sérgio Dias

Scania amplia oferta de caminhões a gás com lançamentos

A Scania apresentou um novo caminhão a gás de 460 cavalos de potência na versão 6×2, que em conjunto com a inédita tração 6×4 no gás e a potência de 420 cavalos, pode atender a cadeia do Agro, formada pelos segmentos agrícola, madeira e de toda a cadeia sucroenergética.

“Além dos oito cilindros laterais tradicionais, estamos ampliando a autonomia justamente com mais dois. Ele poderá percorrer até 650 quilômetros, rodando com maior autossuficiência pelas rotas já viabilizadas dos corredores azuis, até postos localizados estrategicamente para o reabastecimento”, diz Marcelo Gallao, diretor de Desenvolvimento de Negócios da Scania Operações Comerciais Brasil.

Iveco Bus apresenta a versão híbrida do ônibus Crossway  

A Iveco Bus adicionou um novo modelo à sua linha de soluções em operações de transporte, reduzindo ainda mais a pegada de carbono. A nova versão híbrida do ônibus intermunicipal Crossway é compatível com combustíveis renováveis XTL – XX-To-Liquid, sendo equipada com um motor Cursor 9, em conformidade com a norma Euro VI Step E.

Sem informação de disponibilidade no mercado brasileiro, o novo modelo é oferecido em três comprimentos: com 10,8, 12 ou 13 metros, nas versões POP e LINE. Sua produção acontece na fábrica da Iveco Bus localizada na em Vysoké Myto, na República Tcheca.

Luiz Alberto Pandini detalha em livro vitória marcante de Ayrton Senna

O jornalista Luiz Alberto Pandini apresenta no livro “A obra-prima de Senna e outras histórias de um repórter nas pistas” os bastidores do GP da Europa e outras passagens de Ayrton Senna na temporada de 1993. Histórias de outros personagens das pistas também são contadas na obra.

Em 20 capítulos, Pandini conta histórias diversas acumuladas ao longo de 35 anos de carreira, boa parte deles atuando diretamente no segmento de esportes a motor. Para comprar o livro basta acessar www.gullivereditora.com.br. Preço: R$ 69,90 mais frete.

Ventura faz lançamento específico para o segmento do agronegócio

A Ventura apresenta para o mercado brasileiro o LH1100D, UTV que pode se adaptar a qualquer tipo de propriedade rural, atendendo dos microprodutores às grandes propriedades com sua caçamba que leva 605 quilos de carga.

O modelo tem estrutura tubular para segurança dos passageiros, suspensão independente com curso de 151 mm na dianteira e 146 mm na traseira, interruptor eletrônico para acionamento da tração 4×4, transmissão automática tipo CVT, com duas velocidades, mais marcha a ré.

Honda convoca para recall 35.841 veículos no Brasil

A Honda Automóveis convoca os proprietários de 35.841 automóveis a comparecerem a uma das concessionárias autorizadas da marca para realizar a inspeção e, se necessário, reparo da bomba de combustível. Algumas unidades podem apresentar falhas, interrompendo o fluxo de combustível até o motor, podendo desligá-lo com o veículo em movimento.

A consulta à necessidade do reparo deve ser feita no link www.honda.com.br/recall. O agendamento pode ser efetuado pelo mesmo endereço eletrônico ou pela Central de Atendimento: 0800-701-3432 (segunda a sexta-feira, das 08h às 20h e sábado, das 09h às 14h – horário de Brasília).

Mitsubishi L200 Triton Sport ganha série especial e limitada Urban

A Mitsubishi amplia a linha L200 Triton Sport com a série especial Urban, limitada a apenas 200 unidades, com preço a partir de R$ 309.990,00, equipada com motor 2.4 Turbodiesel com 190 cavalos de potência e torque de 43,9 kgfm, além da transmissão automática de seis velocidades com opções para trocas sequenciais na alavanca seletora e Paddle Shifters na coluna de direção.

A picape Mitsubishi L200 Triton Sport Urban traz aparência arrojada que evoca à excelente performance e robustez da linha L200, características bastante importantes para o dia a dia no trânsito das grandes cidades e consumidores de espírito jovem. Ela é comercializada nas cores Cinza Concrete Spot, Preto Onix Peal, Branco Fuji e Azul Baikal.

Michelin confirma produção do pneu AXIOBIB 2 no Brasil

A Michelin confirmou que o AXIOBIB 2, pneu versátil para enfrentar desafios de tração, proteção do solo e produtividade, com dimensões para diversos modelos de tratores, será produzido a partir de outubro de 2024 na fábrica de Campo Grande, no estado do Rio de Janeiro.

O produto, ideal para trabalhos em lavoura e transporte agrícola, além de preparação e manutenção do solo, conta com tração elevada, maior capacidade de carga e, devido à tecnologia Ultraflex, consegue trabalhar com menor pressão de inflação, sempre adequando a pressão à carga e à velocidade, gerando ganho de produtividade.

REVO revela versão de “Combate a Incêndio” da Mitsubishi L200 Triton

A REVO apresentou uma versão da Mitsubishi L200 Triton desenvolvida para o combate a incêndio. O modelo possui uma série de adaptações que a tornam imbatível nesse propósito.

Seu design ganhou um grafismo personalizado e faixas refletivas na carroceria. A caçamba foi projetada para acomodar todos os itens adaptados, como plataforma deslizante, conjunto de combate a incêndio com tanque rígido de 400 ou 600 litros, equipado com motor de 163 cc, além de dois extintores de 12 quilos, bomba costal de 20 litros, para utilização com água ou espuma, e cones de sinalização, abafadores de fogo, enxadas, pás e machados.

Aston Martin revela seu novo motor V12

A Aston Martin se comprometeu a continuar sua linhagem com motor V12 com uma obra-prima técnica e um verdadeiro líder em sua classe. O novo V12 estará presente nos modelos mais exclusivos e de disponibilidade limitada da marca, será feito à mão, em números estritamente limitados e fará sua estreia em um carro-chefe que chega no final de 2024.

“O motor V12 tem sido um símbolo de potência e prestígio, mas também é uma declaração de paixão pela engenharia e proeza técnica. Com 835 cavalos de potência e 1000Nm de torque, este motor inigualável representa nada menos do que o início de uma nova era V12 deslumbrante para a Aston Martin”, afirmou Roberto Fedeli, diretor técnico da Aston Martin.

Texto: Sérgio Dias

Fotos: Divulgação e Sérgio Dias

Lei Proibida a reprodução total ou parcial, sem autorização previa do Portal Hortolandia . Lei nº 9610/98