12 de julho de 2024
Policial

Motorista é executado no Jardim Amanda, em Hortolândia

Motorista Leonardo Aparecido Marcelino, de 28 anos, foi executado com vários tiros no último dia de 2013

Motorista é executado no Jardim Amanda, em Hortolândia
Motorista foi morto por desconhecidos quando estava na Avenida Brasil, em Hortolândia

O motorista Leonardo Aparecido Marcelino, de 28 anos, foi executado com vários tiros no último dia de 2013. O homicídio aconteceu em uma esquina do Jardim Amanda 2, em Hortolândia. Imagens do circuito de filmagem de um estabelecimento comercial nas proximidades do crime podem ajudar a Polícia Civil a identificar os suspeitos.

Marcelino estava encostado em seu carro, um Honda Civic, às 16h20, quando foi morto. Ele estava na esquina da Avenida Brasil com a Rua Lima Barreto, quando dois homens em uma motocicleta se aproximaram. A moto parou e o garupa desceu, sacou uma pistola e efetuou vários disparos, que o acertaram, principalmente, na cabeça. No local, foram recolhidos sete projéteis. Após a execução, os criminosos fugiram em alta velocidade.

A Polícia Militar foi chamada para atender a ocorrência, mas ninguém foi preso. O assassinato foi presenciado por uma testemunha e câmeras de monitoramento de um estabelecimento comercial podem ter flagrado o crime.

As imagens serão fornecidas aos policiais do 2º Distrito Policial, que atende a região, para auxiliar nas investigações. A testemunha disse que não teve tempo de anotar a placa da moto e que o reconhecimento dos suspeitos será difícil porque os dois homens usavam capacete. O caso foi registrado no plantão policial.

Estatísticas

De janeiro a novembro do ano passado, Hortolândia teve o registro de 30 assassinatos. A cidade, além de ter registrado o último homicídio do ano na RPT (Região do Polo Têxtil), também foi o primeiro município a registrar um assassinato no ano passado, quando o ajudante geral Antonio Edmilson dos Santos, de 43 anos, foi morto a facadas dentro de um bar no Parque dos Pinheiros, na madrugada do dia 1º.

Em Sumaré, um rapaz identificado como D.S.S., de 21 anos, foi vítima de uma tentativa de homicídio no fim da manhã de quarta-feira, dia 1º. O caso aconteceu no Matão, mas ele foi socorrido no Pronto-socorro de Paulínia. O tiro não atingiu nenhum órgão vital e, por essa razão, o rapaz foi liberado depois que o projétil foi retirado.

Ainda assim, a Polícia Militar foi ao local, mas como ele já havia sido liberado, conseguiu apenas o seu nome e o endereço da sua casa. A investigação sobre como foi e o que motivou a tentativa de homicídio será feita pela equipe do 4º Distrito Policial.

Fonte: O Liberal



Para mais notícias, eventos e empregos, siga-nos no Google News (clique aqui) e fique informado

Lei Proibida a reprodução total ou parcial, sem autorização previa do Portal Hortolandia . Lei nº 9610/98