Uma estudante, de 21 anos e seu namorado, de 22 anos foram agredidos na noite de ontem (18) pelo tio após uma discussão com a avó no Jardim Sumarézinho, em Hortolândia.

A vítima, que mora com a avó materna, relatou que houve uma desavença entre ela, o namorado e a avó por conta da louça. O tio, que reside na casa dos fundos, entrou na discussão e atingiu o rosto da estudante com um chinelo, em seguida a pegou pelo pescoço e desferiu tapas em seu rosto.

O namorado da vítima, na tentativa de apartar a briga, se trancou no quarto com a mesma, porém, o tio arrombou a porta e a jogou na cama e tomou o celular da jovem à força. O namorado interviu novamente, conseguindo tirar a moça e o tio para a calçada. O agressor tentou fechar o portão da casa enquanto o rapaz saía com a sua moto mas não teve sucesso. Os dois jovens foram para a casa da mãe da vítima, de 39 anos, deixando o veículo da mesma na casa da avó.

A mãe da vítima foi até a casa onde sua mãe reside para conversar. Enquanto o casal esperava na calçada, ouviram gritos e entraram para ver o que estava acontecendo. O agressor empurrou a mulher, que foi segurada pela própria mãe para que o irmão pudesse agredi-lá. A jovem que partiu para defesa da mãe foi interceptada pela tia, esposa do agressor, que lhe mordeu o dedo da mão esquerda. O rapaz, tentando mais uma vez segurar o agressor levou um soco do mesmo, atingindo- o o nariz.

A vítima declarou que o tio está com a posse de seu celular, o celular de seu namorado e a chave de seu veículo. O casal está ficando na casa da mãe da vítima. A moça foi orientada sobre como proceder com o caso.

Por: Elizangela Tasselli