12 de julho de 2024
Policial

Adolescentes destroem ala de Casa Abrigo em Hortolândia

Polícia informou que 10 meninas abrigadas no local atearam fogo em objetos, danificaram portas e quebraram janelas

Casa Abrigo de Hortolândia voltou a ser palco de confusão envolvendo menores durante a noite de quinta-feira
Casa Abrigo de Hortolândia voltou a ser palco de confusão envolvendo menores

Aproximadamente dez garotas destruíram uma ala da Casa Abrigo de Hortolândia na noite de anteontem. Essa é a segunda vez que as adolescentes se “rebelam” em menos de 20 dias. Durante a “rebelião”, as menores atearam fogo em diversos objetos, além de destruir portas e janelas do imóvel. O motivo para a revolta não foi informado pelos responsáveis da Casa Abrigo.

A Prefeitura de Hortolândia, por meio da Secretaria de Inclusão e Desenvolvimento Social, informou que o incidente não causou prejuízos. No entanto, foi registrado um boletim de ocorrência de dano, onde foi relatado o incêndio e a destruição dos cômodos.

Segundo a Administração, as alunas participam de projetos socioeducativos e frequentam a escola regularmente. A custódia das crianças e adolescentes está sob a guarda da Justiça, que pode decidir o tempo de permanência na casa.

Todas as menores, com idade entre 12 e 17 anos, foram conduzidas pela Guarda Civil Municipal ao Plantão Policial de Hortolândia, onde o caso foi registrado como dano e ato infracional. As internas não informaram o motivo da destruição e foram liberadas para a responsável pela Casa Abrigo. A Polícia Civil de Hortolândia investigará a “rebelião”.

RECORRENTE

Há menos de 20 dias, um grupo de oito adolescentes iniciou uma rebelião em um dormitório da mesma casa. Segundo o boletim de ocorrência, os adolescentes quebraram vários móveis da entidade. Os menores, com idades entre 14 e 17 anos, ainda destruíram as janelas do imóvel. O motivo para a “rebelião” teria sido uma “bronca” que os jovens teriam levado após irem para um bar no fim de semana sem a autorização da coordenação do abrigo.

A “rebelião” aconteceu por volta das 23h, horário em que os adolescentes eram colocados para dormir. Segundo a coordenadora do abrigo E. C. S., de 44 anos, foi registrado em boletim de ocorrência a destruição de beliches, mesas, cadeiras e portas, além de objetos pessoais.

Ainda segundo E., por determinação judicial, os menores identificados como D. C. S. R. R., de 14 anos, F. E. S., de 17 anos, J. C. S., de 16 anos, J. J.F., de 16 anos, J. M., de 14 anos, M. G. C. F. B., de 16 anos, S. N., de 15 anos, e T. F. B., de 14 anos, receberam autorização para visitar os pais durante o último final de semana, no entanto, segundo a coordenadora do abrigo, os adolescentes abrigados combinaram de se encontrarem em um bar. Ao descobrir, a coordenadora foi até o local (não divulgado) e tentou levar os menores de volta para o abrigo, mas eles se negaram a acompanhá-la.

Reportagem: Thiago Alves | Hortolândia



Para mais notícias, eventos e empregos, siga-nos no Google News (clique aqui) e fique informado

Lei Proibida a reprodução total ou parcial, sem autorização previa do Portal Hortolandia . Lei nº 9610/98