Entrega de certificados aconteceu na EMEF Armelinda Espúrio da Silva, nesta quarta-feira (05/06)

O Prefeito Angelo Perugini entregou, nesta quarta-feira (29/05), certificados para alunos dos 5º anos da EMEF Armelinda Espúrio da Silva, no Jd. Nossa Senhora de Fátima, que participaram das atividades do Projeto Bem Me Quer, Paz Se Quer, realizado pela Prefeitura, por meio das secretarias de Segurança e de Educação, Ciência e Tecnologia. Mais de 90 estudantes concluíram o projeto, que tem como principal objetivo alertar para os perigos das drogas. A cerimônia de formatura contou com a participação de autoridades municipais, gestores do programa e familiares dos alunos. Os próximos a receberem o certificado são os alunos da EMEF Tarsila do Amaral, no Jd. Amanda II, nesta sexta-feira (07/06), às 18h30.

O projeto atingiu em torno de 1.480 crianças de 14 escolas municipais neste semestre. “O Bem Me Quer Paz Se Quer não é um projeto de faz de conta. Capacitamos sete guardas municipais para realizar esse trabalho. A nossa luta é para prevenir, para ensinar nossas crianças a ficarem longe das drogas e de todos os tipos de violência decorrentes dela. Para isso, também é necessário que os pais participem da vida dos filhos. Devemos alimentar as coisas boas em nossas vidas. Esse projeto é só o começo disso tudo. Esta batalha não termina aqui, pais. Vamos, juntos, lutar para não deixar que essa tragédia atinja nossas famílias. Com amor, vamos construir uma cidade mais segura, com um futuro próspero”, incentivou o prefeito.

Um painel, que trouxe a mensagem da canção “Depende de Nós”, composta por Ivan Lins e Vitor Martins, elaborado pelas crianças do projeto, deu um toque especial à cerimônia. Nas linhas musicais, o sentimento de dever cumprido. O objetivo do projeto na vida dos alunos foi alcançado.

A coordenadora do Bem Me Quer Paz Se Quer, Adriana Alves dos Santos Herdeiro, explicou que o painel simbolizou diversas coisas, como o trabalho de muitas mãos, a importância das escolas, entre outros. “Na lateral do painel, as crianças colocaram seus sonhos em forma de bilhete. Com as palmas das mãos, as crianças pintaram as folhas das árvores. Essa árvore significa a construção da realização destes sonhos. A raíz, em formato de mãos, significa a base das suas vidas que começa na convivência familiar, onde inicia a construção dos valores da vida”, explicou Adriana.

O Bem Me Quer Paz Me Quer foi criado em 2008, durante a primeira gestão do prefeito Angelo Perugini. O projeto foi desenvolvido com base em um estudo realizado pela Prefeitura onde foi constatado que o maior problema enfrentado pela cidade em relação a violência é causado pelo domínio das drogas. Ele já beneficiou mais de 17.548 mil alunos.

Adriana explica que mais do que trabalhar ações de prevenção ao uso de drogas, o projeto é focado em fatores de proteção, como uma vacina. “Ao se formarem, os alunos se tornam agentes mirins, com a missão de multiplicarem os conhecimentos que adquiriram”, comemora a coordenadora.

Bem Me Quer, Paz Se Quer 2019

As aulas do projeto iniciaram no dia 18 de fevereiro. Neste período, os alunos tiveram aulas, uma vez por semana, com guardas municipais da equipe GAP (Grupo de Ações Preventivas), nas quais receberam informações e orientações educativas de prevenção ao uso de drogas e valorização da vida. 

Ao longo do Bem Me Quer, Paz Se Quer, os alunos têm aulas com vídeos educativos e também recebem orientações sobre os perigos de se usar cerol em linhas de pipa. 

O projeto também desenvolve ações educativas sobre temas como bullying e cyberbullying, cidadania, amizade, realização de sonhos como perspectiva de vida, entre outros. “Esse projeto é muito importante e alcança resultados positivos para o público destinado. Os temas abordados promovem um despertar para as crianças, além de enfatizar valores como autoestima, diversidade cultural, respeito e prevenção ao uso de drogas. O programa também estimula o protagonismo juvenil para propiciar a participação social dos alunos, contribuindo não apenas com o desenvolvimento pessoal, mas elevando o seu sentimento de pertencimento com a comunidade em que as crianças estão inseridas”, enfatiza o secretário de Segurança, Joldemar Nunes Correa.

De acordo com a secretária de Educação Ciência e Tecnologia, Sandra Mara Fagundes Freire, as formaturas do projeto Bem Me Quer, Paz Se Quer coroam uma série de atividades iniciadas em diversas escolas desde o começo do ano. “O prefeito Perugini prioriza todos os projetos que investem nas pessoas. A Educação é construída por muitas mãos e com o olhar preventivo da Guarda Municipal, por meio do projeto, possibilita a reflexão das crianças para que elas tenham elementos para fazer boas escolhas em suas vidas. O Projeto Bem Me Quer oferece subsídios para que as crianças analisem sua rotina e façam escolhas conscientes”, afirmou a secretária. 

Confira abaixo as datas e horários das formaturas das escolas participantes do projeto:

07/06/2019 – 18h30

EMEF Tarsila do Amaral

Rua Visconde do Rio Branco, 160, Jd. Amanda II

 

10/06/2019 – 18h30

EMEF João Calixto da Silva (Na EMEFSalvador Zacharias)

Av. Adail Alves Silva, 525, Jd. Novo Ângulo

 

12/06/2019 – 18h30

EMEB Interlagos

Rua Joaquim Marcelino Leite, 26, Jd. Interlagos

 

14/06/2019 – 18h30

EMEB Josias da Silva Macedo

Rua Armelinda Espúrio da Silva, 785, Jd. Nsa. Sra de Fátima

 

17/06/2019 – 16h

EMEF Fernanda Grazielle Rosende Covre

Rua João Gastaldi, 430, Jd. Adelaide

 

19/06/2019 – 18h30

EMEF Dayla Cristina de Souza Amorim

Rua Inglaterra, 500, Jd. Santiago (Antiga Projetada)

 

24/06/2019 – 18h

EMEF Salvador Zacharias Pereira Júnior

Av. Adail Alves Silva, 525, Jd. Novo Ângulo

 

26/06/2019 – 16h

EMEF Jardim Primavera

Rua da Corruíra, 350, Jd. Boa Esperança

 

28/06/2019 – 18h30

EMEF Jardim Amanda I – CAIC

Rua Graciliano Ramos, 698, Jd. Amanda I

 

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia