A pandemia do Coronavírus tem causado nas pessoas problemas de ordem psicológica, tais como ansiedade, medo, stress, aumento da sensação de solidão, entre outros. Para tentar aliviá-los, muita gente começou a fumar, ação que pode causar outros problemas de saúde, além da dependência. Para ajudar quem quer parar com este vício, a Prefeitura de Hortolândia abre três novos grupos online do programa de tabagismo.

De acordo com a Secretaria de Saúde, o programa foi criado em 2005 para promover encontros com fumantes em que eles recebem informações sobre a dependência do tabaco. Os fumantes também trocam experiências entre si e dão apoio para os demais fumantes que estão com dificuldades de parar com o vício.

As reuniões acontecem nas 10 UBSs da cidade que contam com equipes multidisciplinares de profissionais para atender pacientes que querem parar de fumar. As unidades são Amanda I, Amanda II, Campos Verdes, Nova Hortolândia, Figueiras, Parque do Horto, Novo Ângulo, São Bento, São Jorge e Santiago. Em virtude da pandemia, os encontros presenciais foram suspensos e passaram a ser realizados online. O primeiro grupo virtual foi criado em dezembro de 2020 para pacientes da UBS Novo Ângulo.

De acordo com a coordenadora do programa, a médica Regina Happ, as reuniões dos grupos novos começaram neste mês, com participação de 26 fumantes. Os encontros têm duração de uma hora. “No primeiro mês, realizamos quatro reuniões semanais. No segundo mês, são dois encontros semanais. A partir do terceiro mês, os encontros passam a ser mensais”, explica Regina. A coordenadora ainda destaca que, após o terceiro mês, o programa continua a fazer o acompanhamento dos fumantes para ampará-los em caso de recaída até completar o prazo de um ano.

Fumantes que querem parar de fumar e participar dos grupos online do programa de tabagismo da Prefeitura, podem entrar em contato com as UBSs Amanda I, pelos telefones (19) 3897-3388 ou 3909-3825, Novo Ângulo, pelos telefones (19) 3845-2397 ou 3809-3454, e Taquara Branca, pelo telefone (19) 3897-6082. O contato é somente por telefone em função da restrição de circulação e para evitar aglomeração nas unidades conforme as medidas adotadas pelo município, que está na Fase Emergencial do Plano São Paulo.

DOENÇAS

De acordo com a coordenadora Regina Happ, o tabagismo é considerado uma doença epidêmica decorrente da dependência da nicotina, classificada no grupo de transtornos mentais e do comportamento em razão do uso de substâncias psicoativas.

Além de ser uma doença, o tabagismo pode causar diversas doenças, tais como câncer, doenças cardiovasculares e respiratórias crônicas. Ao parar de fumar, a pessoa já sente benefícios em sua saúde. Confira abaixo:

– Após 20 minutos: pressão e pulsação voltam ao normal

– Em 8 horas: nível de oxigênio no sangue normaliza

– Em 48 horas: aumenta a capacidade de sentir cheiro e sabor

– Após duas semanas a três meses: a circulação melhora e a função pulmonar aumenta

– De cinco à quinze anos: o risco de infarto é igual ao de uma pessoa que nunca fumou

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia