Meira reuniu-se com delegado titular do 1° DP, Fernando Bueno de Castro, nesta sexta-feira (12/12)

reuniao-seguranca

O prefeito Antonio Meira cobrou do governo do Estado mais segurança para Hortolândia neste final de ano. Meira reuniu-se, na manhã desta sexta-feira (12/12), em seu gabinete, com o delegado Fernando Bueno de Castro, titular do 1° DP (Distrito Policial) de Hortolândia. O secretário municipal de Segurança, Marcelo Borges, e a comandante da GM (Guarda Municipal), Luzanira Nascimento Joaquim, também participaram da reunião.

A Prefeitura enviará à Secretaria de Estado de Segurança Pública ofício, solicitando que os policiais militares que trabalham no município não sejam escalados para atuar na “Operação Verão”, que desloca PMs para o litoral no período de férias. Desde janeiro de 2013, quando assumiu a Prefeitura, Meira cobra das autoridades estaduais reforço na segurança. Entre as reivindicações estão a contratação de mais policiais civis e militares, implantação de bases móveis da PM, criação da Companhia de Escolta de Presos para o Complexo Penitenciário Campinas-Hortolândia, ação que ampliará o número de policiais nas ruas.

Para garantir mais tranquilidade à população, a Prefeitura investe na instalação de câmeras de monitoramento. Desde maio deste ano, já está em funcionamento o sistema de monitoramento por meio de 47 câmeras inteligentes, o OCR, capaz de ler placas e identificar veículos roubados e furtados, bem como outras irregularidades. A partir de 2015, outro sistema, com 25 câmeras de videomonitoramento, vai vigiar a cidade 24h.

Na reunião, o prefeito colocou à disposição da PM as ferramentas de inteligência da GM para auxiliar na elucidação dos recentes casos de violência ocorridos na cidade.