Segundo a Prefeitura de Hortolândia, a modernização do almoxarifado da CAS (Central de Abastecimento da Saúde), promovida pela Administração  recentemente, foi conferida de perto pelo prefeito Angelo Perugini. O chefe do Executivo municipal visitou as instalações, no Jd. São Pedro, na manhã desta sexta-feira (07/06) e pode observar, por exemplo, como funciona o SGCAS (Sistema de Gerenciamento da Central de Abastecimento), sistema informatizado criado pela própria Prefeitura que confere controle de todo estoque de medicamentos disponível, tanto na CAS quanto nas unidades de saúde.

De acordo com informações da Secretaria de Saúde, por meio deste sistema é possível acompanhar os medicamentos que entram no estoque; os produtos que tem prazo de validade curto e, portanto, precisam ser dispensados com maior agilidade; os itens que estão prestes a acabar e precisam ser repostos; além do envio de medicamentos para as unidades de saúde. Já nas farmácias das unidades de saúde, o sistema possibilita acompanhar a entrega de medicamentos à população, com controle de quais e quantos itens cada pessoas retirou.

Além da informatização, o almoxarifado da CAS também conta com uma organização otimizada: prateleiras altas e uma empilhadeira possibilitam o uso das áreas superiores para organizar melhor o estoque. “Promovemos a verticalização do estoque, com utilização de espaços superiores. Também contamos com dois veículos para distribuição dos medicamentos às unidades de saúde, com aperfeiçoamento da logística de entrega dos itens. Por meio da informatização, é possível acompanhar diariamente as necessidades do almoxarifado geral e do estoque das unidades de saúde, o que nos proporciona maior controle de estoques e compra com eficiência”, destacou a secretária de Saúde, Odete Carmem Gialdi.

“O sistema de informatização foi desenvolvido pela nossa equipe de Tecnologia da Informação, o que resultou em mais organização do estoque, sem custo para o município. Temos um trabalho integrado entre todas as áreas da Administração Municipal para que o munícipe seja o maior beneficiado com nossas ações, neste caso, com maior controle do estoque de medicamentos”, destacou o prefeito.

Atualmente, 13 das 17 UBSs (Unidades Básicas de Saúde), contam com farmácia para dispensação de medicamentos. O objetivo da Prefeitura é que, até o final do ano, todas realizem dispensação de remédios. De acordo com a Secretaria de Saúde, a abertura de farmácias em mais unidades de saúde faz parte da meta de levar ações básicas a todas as UBSs.

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia