Connect with us

Nossa Cidade

Correios lança selo comemorativo a inauguração do Centro de Memórias

Publicado

em

Acervo estará disponível para visitação a partir desta terça-feira (30/09)

Selo Comemorativo

A ECT (Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos) lançou, na ocasião da inauguração do Centro de Memória de Hortolândia, selo e carimbo comemorativos alusivos à data. Todas as correspondências postadas na agência central de Hortolândia, desta segunda-feira (28/09) até o dia 27 de outubro, receberão o selo e o carimbo. Para marcar o ato, o gerente de vendas dos Correios de Campinas, Reginaldo Venâncio de Godoy, e o prefeito Antonio Meira, realizaram o ato simbólico de obliteração (carimbo sobre o selo).

selo

Em clima de nostalgia e emoção, dezenas de famílias prestigiaram a inauguração do Centro de Memória de Hortolândia “Professor Leovigildo Duarte Júnior”, neste domingo (29/09). Pessoas que tiveram alguma ligação com a antiga Estação Ferroviária, que agora abriga o acervo histórico do município, não esconderam o entusiasmo ao participar da solenidade.

O Centro de Memória de Hortolândia é um espaço da Prefeitura de Hortolândia, administrado pela Secretaria de Cultura. Com sua inauguração, visitações podem ser feitas de terça-feira a domingo, das 9h às 17h. No local a população poderá aprender sobre a formação e transformação do município desde a época das sesmarias. O acervo está na antiga Estação Ferroviária Jacuba, na rua Rosa Maestrello, nº 02, na Vila São Francisco de Assis, Região Central do município. A entrada é gratuita e livre para todas as idades.

“A restauração da antiga Estação Ferroviária restaura no nosso coração a história de Hortolândia, construída pelas mãos de milhares de pessoas. Um povo sem história é um povo sem cultura”, afirmou o prefeito Antônio Meira. “Hoje é um dia especial para Hortolândia. Garantimos o direito e acesso ao acervo material e imaterial do município. A Estação Ferroviária é o único patrimônio tombado em Hortolândia. A restauração do prédio e inauguração do Centro de Memória fazem parte do Plano de Governo da atual Administração. Nossa cidade avança, inclusive na área da cultura”, comentou o secretário de Cultura, Glauco Costa.

A inauguração do Centro de Memória é a primeira etapa de uma série de intervenções para recuperação da área da antiga Estação Ferroviária. O pátio externo receberá calçamento e área de vivência, além de iluminação e paisagismo.

Homenagem

O nome do Centro de Memória é uma homenagem ao professor Leovigildo Duarte Júnior, que dedicou sua vida à educação, história e política da região. Familiares do professor acompanharam emocionados a inauguração do órgão. “Este acervo vai perpetuar a imagem deste grande homem. Agradeço a homenagem, em nome de toda a família Duarte”, disse José Antônio Alvares Duarte, irmão de Leovigildo. “Meu pai mantinha o pensamento de que a cidade tivesse cultura e paz e que isso formasse a identidade do local e do povo. O Centro de Memória vem para preservar esta identidade”, declarou o filho de Leovigildo, Luiz Antônio Mendonça Duarte.

Acervo

O acervo do Centro de Memória é composto por exposições permanentes de móveis e objetos históricos, além de mostras temporárias. Um dos memoriais é dedicado à história da Estação Jacuba, outro às famílias de Hortolândia. O espaço conta também com dois laboratórios interativos, Sala Multiuso para abrigar workshops e exposições temporárias e biblioteca técnica. Atualmente, estão expostas fotos e reportagens históricas, que contam a história do antigo povoado de Jacuba por meio de recortes de jornais de épocas passadas.

Uma das pessoas homenageadas no mural das famílias é Nelson Alexandre, que dedicava parte de seu tempo às pesquisas sobre Hortolândia. Ele divulgava as histórias das famílias hortolandenses no periódico local “Jornal de Hortolândia” através da coluna “Hortolândia que eu Vi e Ouvi”.

A viúva de Nelson, dona Lucinda Castilho Alexandre, visitou o Centro de Memórias, onde recordou as lembranças da época em que Hortolândia ainda era Jacuba. A senhora, de 78 anos de idade, sentiu-se duplamente homenageada, já que é neta de Zacharias Costa Camargo, personalidade emblemática no surgimento e desenvolvimento de Jacuba, e que hoje dá nome à rua na Região Central. “Estou emocionada com tudo o que vi até agora, as fotos, objetos. É muito bom guardar estas memórias para construir a história do nosso povo”, disse.

“Cultura também é prioridade no nosso governo. Este Centro de Memória tem a função de guardar nosso acervo. Convido toda a população para juntos continuarmos a escrever os próximos capítulos desta história”, disse o prefeito.

Um dos visitantes que se interessou em colaborar com o acervo do Centro de Memória foi Afonso Sérgio Filizardi Busenbais, filho do antigo chefe da Estação Jacuba, Afonso Busenbais. “Tenho material que pode fazer parte deste acervo, coisas que guardo da época em que meu pai trabalhou na Estação”, disse Busenbais.

Quem quiser colaborar com materiais para o acervo, por meio de doação ou empréstimo de objetos, fotos, documentos e outros tipos de itens, deve entrar em contato pessoalmente com a equipe de funcionários do Centro de Memória. O material será avaliado por uma comissão.

FONTE: Pref. Hortolândia

Nossa Cidade

IFSP oferece mais de 180 vagas para cursos técnicos gratuitos, para 2022, no Câmpus Hortolândia

Publicado

em

Inscrições até 14 de novembro; prova presencial acontece em 19 de dezembro

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (IFSP) oferece mais de 180 vagas para cursos técnicos no Câmpus Hortolândia. Em todo o estado de São Paulo, são ofertadas 6.080 vagas em 36 câmpus para o primeiro semestre de 2022.

Todos os cursos são gratuitos, sem cobrança de mensalidade. As inscrições estão abertas até o dia 14 de novembro. Para realizar a inscrição, os interessados devem ler atentamente o Edital nº 400/2021, realizar o cadastro, preencher o formulário eletrônico de inscrição e o questionário socioeconômico no Portal do Candidato, por meio do site processoseletivo.ifsp.edu.br.

É necessário pagar uma taxa de R$ 60, para os cursos técnicos integrados, ou de R$ 30, para os técnicos concomitantes ou subsequentes ao ensino médio.  Poderão solicitar isenção da taxa de inscrição, até o dia 21 de outubro, os candidatos que possuírem renda familiar per capita igual ou inferior a 1,5 salário mínimo (renda menor ou igual a R$1.650) e tenham cursado o ensino fundamental em escola da rede pública ou com bolsa integral em escola da rede privada.

Neste ano, devido a uma determinação judicial, o IFSP volta a adotar a seleção por meio de provas. O processo seletivo abordará as disciplinas de Português e Matemática e será aplicado, de forma presencial, no dia 19 de dezembro, na mesma cidade, ou município da mesma região, da localização do câmpus escolhido pelo candidato no momento da inscrição.

Confira a relação de vagas ofertadas pelos Câmpus Hortolândia:

Técnico Integrado ao Ensino Médio:
Automação Industrial (35 vagas – período integral diurno)
Informática (37 vagas – período integral diurno)

Mecânica (32 vagas – período integral diurno)

Técnico Concomitante/Subsequente ao Ensino Médio:
Eletroeletrônica (40 vagas – período noturno)

Fabricação Mecânica (40 vagas – período noturno)

O IFSP reserva 50% de suas vagas a estudantes que tenham cursado integralmente o ensino fundamental em escolas públicas. Também têm direito às vagas reservadas candidatos em situação de vulnerabilidade econômica e social, pretos, pardos ou indígenas, e pessoas com deficiência.

Em caso de dúvidas, entre em contato pelo whatsapp: (11) 98781 0008 – somente por mensagem de texto.

Continue Lendo

Nossa Cidade

Programa “Bolsa Empreendedor” recebe inscrições até este domingo (24/10)

Publicado

em

Programa é promovido pelo Governo do Estado em parceria com a Prefeitura de Hortolândia

A pandemia do Coronavírus causou dificuldades para empreendedores informais. Muitos estão em situação de vulnerabilidade. Para ajudar essas pessoas a retomarem suas atividades, estão abertas as inscrições para o programa “Bolsa Empreendedor”, iniciativa do governo do Estado que conta com o apoio da Prefeitura de Hortolândia.

O programa é para MEIs (Microempreendedores Individuais) e desempregados, com prioridade para mulheres, jovens, populações negra e indígena, e PCDs (pessoas com deficiência). As inscrições devem ser feitas no site do programa, por meio deste LINK. O prazo de inscrição termina neste domingo (24/10). De acordo com o governo estadual, no início de novembro os selecionados para o programa serão comunicados via SMS e e-mail.

O programa oferecerá curso de qualificação empreendedora, formalização para MEIs e bolsa-auxílio de R$ 1.000,00 dividida em duas parcelas de R$ 500,00. 

De acordo com o governo estadual, o curso será ministrado pelo Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas), com turmas em novembro e dezembro. O curso terá duração de uma semana, com total de 20 horas. O conteúdo abordará temas como empreendedorismo, ideias para abrir negócios, marketing, finanças e formalização.

Os participantes receberão certificado. As aulas serão ministradas em formatos on-line e presencial. As informações referentes ao curso, como datas, horários, local onde serão ministradas as aulas presenciais, entre outras, serão comunicadas pelo Sebrae aos participantes via SMS e e-mail até a primeira quinzena de novembro.

Continue Lendo

Nossa Cidade

Mais bairros de Hortolândia recebem Operação Tapa-Buraco

Publicado

em

Ação busca evitar acidentes em vias onde há grande fluxo de veículos e circulação de ônibus, em Hortolândia

Outros seis bairros de Hortolândia receberam, nesta quarta-feira (20/10), a Operação Tapa-Buraco, realizada pela Secretaria de Serviços Urbanos. As equipes da Prefeitura de Hortolândia estiveram na Vila São Pedro, na Vila Real, na Vila Real Santista, Jardim Nova Hortolândia, no Parque Gabriel e no Jardim Everest.

Os trabalhos começaram bem cedo pela Vila São Pedro, onde os servidores fizeram reparo de buraco na Rua João Mendes. Em seguida, a equipe foi à Vila Real, para reparo do pavimento na Avenida Anhanguera. Depois, a ação aconteceu na Rua João Barreto da Silva, na Vila Real Santista; na Rua Frederico Alves da Costa, no Jardim Nova Hortolândia; e também na Rua dos Estudantes, entre o Jd. do Bosque e o Jardim Everest.

Na sexta-feira passada (15/10), a Operação Tapa Buraco passou por bairros da Região Central, seguindo em direção à Vila São Pedro, passado pelas seguintes ruas: Rua Carlos Roberto de Melo, no Parque Gabriel; Rua João Rodrigues Garajaú, no Parque São Miguel; Avenida Thereza Ana Cecon Breda, na Vila São Pedro; e Rua Cecília Pereira da Silva, no Jardim São Felipe.

De acordo com o secretário adjunto de Serviços Urbanos, Marcos Panício, o Mercadão, a Operação Tapa-Buraco é feita, periodicamente, priorizando as principais avenidas da cidade e ruas de circulação de ônibus, depois entrando pelo bairro. “Melhorar as vias significa dar mais segurança a usuários, veículos em geral, ambulâncias e munícipes, evitando acidentes”, afirma ele.

Continue Lendo

Populares