19 de maio de 2024
Nossa Cidade

Câmara Municipal de Hortolândia realizou Audiência Pública sobre transporte coletivo

audiencia publica sobre transporte coletivo de hortolandia

Encontro na Câmara teve questionamentos da população e dos vereadores sobre o assunto

O transporte coletivo foi amplamente discutido na noite desta segunda-feira (04 de junho) durante audiência pública realizada na Câmara Municipal de Hortolândia. O encontro contou com a presença dos vereadores, o gerente regional da EMTU (Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos) Campinas, Edson Thomaz Zilião, o representante da Viação Lira, Gerson, o secretário de Planejamento Metropolitano, Marcelo Zanibon, o presidente da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) Hortolândia, Luis Leite de Camargo, a secretária de Chefia de Gabinete, Sandra Fagundes Freire e o gerente de transportes da Prefeitura, Sidney Fraga Alves.

Vários questionamentos foram feitos pela população e pelas autoridades presentes. O objetivo da audiência foi tentar mostrar os principais problemas do transporte coletivo municipal e intermunicipal, para que os responsáveis pelo sistema pudessem sanar as dúvidas e resolver as demandas.

Os assuntos mais abordados foram o descumprimento de horário, falta de ônibus, superlotação, mudança de pontos e também de itinerário por parte dos motoristas. Segundo Edson Thomaz Zilião, gerente regional da EMTU Campinas, os atrasos são frequentes principalmente nos horários de pico por causa dos congestionamentos enfrentados pelos ônibus que fazem as linhas metropolitanas.

Sobre a superlotação, Zilião também comentou que existe um limite permitido para o número de passageiros, mas em horários de pico fica difícil segurar a superlotação, mas a fiscalização está em prática para tentar evitar este problema.

Já o representante da Viação Lira, Gerson Rossi, comentou sobre a mudança dos pontos na Rodovia SP-101. “Por causa das mudanças de pontos tivemos várias reclamações. Houve uma reformulação da Rodovia e também modificações nos acostamentos, e os motoristas estavam sendo autuados pela Polícia Rodoviária por parar nos pontos antigos. Mas a EMTU vem recolocando os pontos para resolver este problema”, falou.

Compromissos. O presidente da Câmara, Paulo Pereira Filho, o Paulão (PPL), pediu que as autoridades presentes firmassem compromissos com a população para que oferecessem cada vez mais um serviço melhor, para que a audiência rendesse frutos para quem utiliza o transporte público municipal e intermunicipal.
“Vamos continuar trabalhando com afinco para solucionar os problemas apontados aqui. Todos os assuntos abordados serão encaminhados para nossa área de planejamento para que sejam sanados. Estamos sempre preocupados com melhorar a qualidade do transporte oferecido na Região Metropolitana de Campinas”, explicou Zilião.

O representante da Viação Lira se comprometeu a continuar trabalhando para investir no transporte, principalmente na frota, atendendo as demandas da população. Já o secretário Zanibon se comprometeu a passar as ações que a Prefeitura vem fazendo nesta área para serem disponibilizadas através de um cronograma para a população no site da Câmara.

CONCESSÃO

Zilião também comentou sobre as mudanças que estão sendo feitas no transporte intermunicipal. Atualmente 9 empresas atuam através do sistema de permissão no transporte intermunicipal, mas está sendo implantado o sistema de concessão, onde apenas uma empresa ficará responsável pelo transporte intermunicipal na região. “Tendo o sistema de concessão teremos como fiscalizar melhor, pois as ferramentas que teremos serão mais modernas, pois atualmente, no sistema de permissionárias, não conseguimos cobrar algumas coisas”.

Reclamações. Muito foi comentado sobre a falta de reclamações feitas diretamente à EMTU. Segundo Zilião, a empresa recebe pouco mais de 600 reclamações por ano da região de Hortolândia. “A população precisa reclamar diretamente para a EMTU, pelo site, pelo 0800, pois assim tem como a empresa tomar providências para resolver as demandas”, comentou o presidente.

Os munícipes que se sentirem lesados podem acessar o site da EMTU (http://www.emtu.sp.gov.br/emtu/fale-conosco/entre-em-contato/por-formulario-eletronico.fss) e preencher o formulário com a reclamação, ou ligar no telefone 0800 724 05 55, de segunda a sexta-feira, das 7h às 19hs (inclusive feriados).

Lei Proibida a reprodução total ou parcial, sem autorização previa do Portal Hortolandia . Lei nº 9610/98