Gasolina deve ficar mais cara a partir de hoje (1º)

A nova alíquota única e fixa do ICMS deverá provocar um aumento no preço da gasolina, já a partir desta quinta-feira (1º). Antes as alíquota era proporcionais ao valor e definidas por cada estado, variando de 17% a 20%.

Na nova modalidade será cobrado o preço fixo de R$ 1,22 por litro em todo o território nacional.

Anuncio


De acordo com texto da Agência Brasil de Notícias, no Rio de Janeiro, por exemplo, a cobrança é de 18% e atualmente gira em torno de R$ 0,97 por litro se considerarmos o preço médio de revenda de R$ 5,38, registrado no último levantamento da Agência Nacional de Petróleo (ANP). Nesse caso, se a diferença for integralmente repassada ao consumidor, a mudança acarretaria um acréscimo de R$ 0,25 por litro.

MAIS AUMENTOS PODEM VIR

No próximo mês poderá ocorreu um novo aumento. Isso porque os tributos federais (PIS/Cofins e Cide) devem voltar a incidir integralmente sobre a gasolina e o etanol. Estes impostos haviam sido zerados pelo ex-presidente Jair Bolsonaro no ano passado, durante o preíodo eleitoral. Posteriormente, o governo Lula instituiu uma cobrança parcial em vigor até o dia 30 de junho.

Sair da versão mobile