Nossa Cidade

Praças do bairro Remanso Campineiro recebem mutirão para limpeza e poda do mato

A região do Remanso Campineiro recebeu nesta terça-feira(10) o multirão diário de poda do mato realizado por equipes da Prefeitura de Hortolândia. Praças e outros espaços públicos receberam os serviços para mantê-los limpos e conservados.

O maior volume de trabalho se concentrou na “Praça do Coreto”, localizada na rua Olegário Bueno da Silva. Poda de mato e limpeza da área são os serviços realizados nestes locais.

Além do Remanso Campineiro, o trabalho também continuou em uma área verde no Jardim Sumarezinho; em ruas do Parque Orestes Ôngaro; na rua Casemiro de Abreu, no Jardim Amanda; e na praça do Jardim Malta.

A poda do mato e a limpeza são realizadas, periodicamente, em praças, parques, áreas verdes, canteiros centrais de ruas e avenidas e nas áreas internas e externas de espaços públicos em toda a cidade. De acordo com a Secretaria de Serviços Urbanos, o objetivo da ação é evitar o descarte irregular de lixo e entulho, além de evitar o abrigo de animais peçonhentos que possam transmitir doenças.

Na última semana, outras áreas públicas também receberam limpeza. No Jardim Novo Ângulo, a varrição foi realizada no trecho do Corredor Metropolitano, no trecho após a Ponte Estaiada; no Parque Linear Novo Ângulo; e na área externa do Parque Socioambiental Irmã Dorothy Stang, no Jardim Nossa Senhora de Fátima. De acordo com a Secretaria de Serviços Urbanos, foram retirados material orgânico, como folhas e galhos, e outros itens descartados irregularmente pela população, como latinhas e embalagens, por exemplo. Já no Parque Socioambiental Chico Mendes, na região Central, está em andamento um mutirão de serviços de zeladoria, com pintura dos bancos e instalação de lixeiras.
Denúncias pelo aplicativo da “Agenda Verde”

O descarte irregular de entulho e resíduos é crime ambiental e está sujeito a multa. Atualmente, os valores variam de R$ 340 a R$ 34.000. Segundo a Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, quem quiser ajudar na identificação de pessoas e veículos que praticam crime ambiental pode enviar fotos e textos para o aplicativo do Programa Agenda Verde. Para baixar o aplicativo, basta fazer o download gratuito nas plataformas Google Play ou App Store do smartphone. A identidade dos denunciantes é mantida em sigilo.

Sair da versão mobile