Nossa Cidade

Moradores do Terras de Santo Antônio reclamam de fluxo de veículos decorrente do maior templo de Hortolândia

AD-Hortolandia

Moradores do bairro Terras de Santo Antônio, em Hortolândia, têm expressado crescente preocupação devido ao intenso fluxo de carros, decorrente da inauguração do maior templo da cidade, os moradores alegam que está gerando transtornos para quem reside na região.

De acordo com relatos dos moradores, o volume de veículos e pedestres tem aumentado significativamente, chegando ao ponto de ser necessário esperar cerca de 20 minutos para entrar ou sair de casa de carro.

Nota da igreja

Em resposta às preocupações da comunidade, a igreja local emitiu uma nota de esclarecimento. A AD Hortolândia ressaltou que tem orientado seus participantes e frequentadores a não estacionarem em frente a garagens, enfatizando que essa prática viola as leis de trânsito e prejudica os moradores.

A igreja reiterou seu compromisso com a missão de levar a Palavra de Deus aos necessitados e promover a transformação na sociedade. Além disso, esclareceu que o aumento no fluxo de veículos ocorre principalmente durante eventos e festas, que são sazonais, e que nos dias de culto o movimento é normal.

Para mitigar os transtornos e adequar o volume de veículos no bairro, a AD Hortolândia afirmou estar trabalhando em conjunto com as autoridades locais para criar mais vagas de estacionamento. A igreja expressou confiança de que, com o tempo, todos se adaptarão à nova realidade e que medidas estão sendo tomadas para evitar inconvenientes aos moradores.

A comunidade permanece à disposição para quaisquer esclarecimentos adicionais e reforça seu compromisso com o bem-estar de todos os envolvidos.

Sair da versão mobile