Nossa Cidade

Construção de reservatório no Parque Gabriel avança

Obras compreendem recuperação de trecho de três mil metros de extensão

reservatorio-gabriel

As obras de construção do reservatório de contenção de enchentes Jac-3, no Parque Gabriel, estão em ritmo acelerado. A canalização do Córrego Santa Clara ultrapassou a metade da extensão do trecho que receberá as canaletas, com 52% de serviço executado, e o serviço de escavação da área onde ficará a lagoa de contenção de enchentes está com 16% de etapas concluídas. A área no entorno do Córrego Santa Clara será transformada em Parque Linear.

A obra toda consiste em recuperar o córrego, que vem desde a região do Jardim Santa Clara, passando pelo Jardim Santa Fé, Parque São Miguel e Parque Gabriel, além de construir um reservatório e revitalizar a área próxima do curso d’água. O reservatório terá aproximadamente mil metros de extensão, com capacidade para armazenar 520 mil m3 de água.

Este projeto é uma das etapas de intervenções previstas para um trecho de 3 mil metros de extensão. A próxima etapa prevista inclui implantação de pista de caminhada, ciclovia, quadras e playground na área ao redor do córrego recuperado.

A proposta da Administração Municipal é interligar as regiões por meio de um corredor verde, desde o Parque Socioambiental Irmã Dorothy Stang, no Jardim Nossa Senhora de Fátima; passando pelo Creape, no Jardim Santa Clara do Lago; pelos parques lineares Chico Mendes e Renato Dobelin, na Região Central; além das lagoas de contenção Jac-1, que passa embaixo da Ponte Estaiada, entre o Jardim Santa Rita de Cássia e o Jardim Novo Ângulo; o reservatório Jac-2, na região do Jardim Minda e Carmem Cristina; e o Jac-3.

Macrodrenagem

O reservatório Jac-3 faz parte do projeto de macrodrenagem, que inclui a canalização do Ribeirão Jacuba e a construção dos reservatórios Jac-1 e Jac-2. Todo o projeto de drenagem tem como objetivo acabar com as enchentes na cidade.

O Jac 1 terá capacidade de armazenar 660 milhões de litros; o Jac 2 reservará 840 milhões de litros. Somado à capacidade de armazenagem do Jac-3, com a conclusão destas obras, o município terá capacidade de armazenar mais de 2 bilhões de litros d’água.

Mesmo em época de chuvas fortes, tanto o reservatório Jac-2 quanto o Jac-1 suportarão o volume de água sem transbordar, com auxílio de uma barragem. Em tempo de seca, as comportas das barragens ficarão fechadas e a água armazenada poderá auxiliar no abastecimento da cidade. Já o Jac-3 reservará o volume excedente da chuva, evitando que a água escoe pelo córrego até a Região Central.

Sair da versão mobile