Um empresário se matou com tiro na boca diante do governador de Sergipe, Belivaldo Chagas, e do Ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque. O fato aconteceu na manhã desta quinta-feira(4) durante a abertura de um seminário sobre o mercado de gás que aconteceria em Aracaju.

O empresário Sadir Gitz, do setor de cerâmica, se levantou após o discurso do governado do estado e gritou “Belivaldo, você é mentiroso”, em seguida se matou com um tiro na boca.

A fábrica de cerâmica do empresário estaria passando por dificuldades por causa do alto preço do gás e teria pedido falência da empresa.

Artigo anteriorBolsonaro celebra independência dos EUA em embaixada no Brasil
Próximo artigoVeículo roubado no Boa Esperança é recuperado pela ROMU no Jardim Bassoli