Policial

Suspeito de espancamento é preso após morte de esposa

Na manhã desta quarta-feira (15), um homem foi detido em Limeira/SP sob suspeita de ter matado sua esposa no início de novembro. O crime, que chocou a comunidade local, ocorreu no dia 5, e o marido havia inicialmente alegado que a vítima havia caído da cama. No entanto, após uma investigação minuciosa, a DDM (Delegacia de Defesa da Mulher) revelou evidências de espancamento como a causa da morte.

A vítima, uma mulher de 31 anos, deu entrada na Santa Casa de Limeira com fraturas no crânio e não conseguiu sobreviver aos ferimentos. Na época, a Patrulha Maria da Penha da guarda municipal foi acionada pelos médicos da Santa Casa, e o marido da vítima foi conduzido à Central de Flagrantes para prestar depoimento. No entanto, ele alegou que sua esposa estava sob efeito de medicamentos fortes e havia caído da cama durante a madrugada, o que resultou nas lesões. Como resultado, ele foi liberado.

Anuncio


Após a trágica morte da mulher, a Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) iniciou uma investigação aprofundada, que revelou indícios substanciais de que a vítima teria sido vítima de espancamento por parte de seu marido. Essa descoberta levou à emissão de um mandado de prisão preventiva, culminando na detenção do suspeito dentro de sua residência hoje.

O caso tem gerado grande comoção na região e serve como um alerta para a importância das investigações rigorosas em casos de violência doméstica. A prisão do suspeito demonstra o compromisso das autoridades em buscar a justiça e proteger as vítimas de violência. O homem agora permanece à disposição da Justiça para responder pelas acusações de homicídio.

Lei Proibida a reprodução total ou parcial, sem autorização previa do Portal Hortolandia . Lei nº 9610/98

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo