Polícia Civil apreende crack, haxixe e armas de uso restrito no Jardim Novo Ângulo

Uma ação da Polícia Civil do 5º DP (Distrito Policial) de Campinas comandada pelo delegado Sandro Jonasson, possibilitou a apreensão nesta segunda-feira (11), de uma submetralhadora israelense Uzi calibre 9 mm, com cadência para disparar até 750 tiros por minuto, uma pistola turca Canik, 9mm, farta munição, relógios e R$ 6,5 mil em dinheiro. Todo o armamento foram apreendidos em uma casa, no Jardim Novo Ângulo, em Hortolândia.

Segundo o delegado, em Campinas, os policiais faziam o acompanhamento a um suspeito de tráfico, que viria agindo em diversos bairros da cidade e que também estava avançando para os municípios de Valinhos e Hortolândia.

Anuncio


Na perseguição, o suspeito e um outro homem que o acompanhava no carro reagiram a tiros, acabaram se acidentando, mas conseguiram escapar por um matagal.

No carro abandonado após o acidente, os policiais civis encontraram as chaves de uma casa, além de anotações sobre o tráfico e informações que os levaram até ao imóvel que seria utilizado pelos suspeitos, na cidade de Hortolândia. Na casa estavam as armas, dinheiro e demais objetos apreendidos. No carro, segundo a Polícia, havia entorpecentes, sendo 96 porções de haxixe e 30 porções de crack, prontos para a comercialização.

O delegado Jonasson disse que as investigações continuam e que ele já tomou providências junto à Justiça no sentido de pedir as prisões preventivas de alguns dos integrantes da quadrilha. Segundo o policial, um dos suspeitos é sobrinho de um conhecido homem (que está preso) notório integrante de uma facção criminosa que age dentro e fora dos presídios.

Por: Cézar Henrique

Sair da versão mobile