Mais uma vez, a solidariedade contribuiu para auxiliar as famílias mais carentes. Desta vez, a iniciativa partiu do profissional da multinacional IBM, Alan Martini, que promoveu uma vaquinha online para arrecadar fundos para a compra de leite em pó, item destinado ao CRAS (Centro de Referência em Assistência Social) Novo Ângulo. Ele é morador de Indaiatuba e trabalha em Hortolândia desde 2017. Sensibilizado pelas campanhas e ações da Prefeitura hortolandense para arrecadação de itens como alimentos, cobertores e agasalhos, Martini usou suas próprias redes sociais para mobilizar amigos e ajudar quem mais precisa.

“Após visualizar alguns conteúdos nas redes sociais da Prefeitura, durante o agravamento da pandemia, tive a ideia de também produzir algo para viabilizar estas doações em minhas redes sociais. Fiz uma campanha que ficou um mês no ar. As pessoas se mobilizaram e contribuíram com esta vaquinha, formando uma ‘rede do bem’, na qual arrecadamos aproximadamente R$ 1.370,00. As crianças são as mais vulneráveis e resolvemos comprar leite em pó para fazer a doação”, explica Martini.

De acordo com a Secretaria de Inclusão e Desenvolvimento Social da Prefeitura de Hortolândia, as contribuições nas redes sociais de Martini possibilitaram a compra de cerca de 110 pacotes. O CRAS Novo Ângulo recebeu as doações na segunda-feira (06/06). Segundo a Secretaria de Inclusão e Desenvolvimento Social, as famílias cadastradas no CRAS Novo Ângulo receberão as doações de acordo com a demanda, sendo que o produto será destinado àquelas que possuem crianças ou idosos que necessitem do donativo.

“A solidariedade está contagiando o coração das pessoas, e essa iniciativa nos mostra que sempre existe uma possibilidade de ajudar ao próximo. Hortolândia acolhe trabalhadores de cidades de toda a região, e essa iniciativa, esse olhar pelas pessoas que mais precisam em nossa cidade, muito nos orgulha. Gratidão define o momento”, analisa o secretário de Inclusão e Desenvolvimento Social, Francisco Raimundo da Silva.

Dúvidas sobre cadastramentos nos CRAS podem ser esclarecidas, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, por meio dos telefones 3965-1400 (ramais 8204, 8210, 8222), 3965-1438 e 99976-4011 (WhatsApp) ou e-mail [email protected].